Cadeirante com tornozeleira eletrônica é assassinado na Zona Oeste de Natal

Marcas de sangue espalhadas pelo quarto, no chão e no aparelho de TV. Essa foi a cena encontrada na casa do cadeirante João Maria Pereira da Silva, 33 anos, no bairro de Felipe Camarão, Zona Oeste de Natal. Ele foi assassinado a tiros na noite de quarta-feira (17) dentro da residência.

João Maria era aposentado e respondia a processo por tráfico de drogas. Ele usava tornozeleira eletrônica. A mãe da vítima afirmou que foi até a casa dele por volta das 21h de quarta-feira para deixar o jantar do filho e meia hora depois soube do assassinato.

Ele teve paralisia quando era criança e por isso não andava, locomovendo-se em cadeira de rodas. Ele foi morto enquanto dormia. A Divisão Especializada em Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), o Itep e a Polícia Militar estiveram no local. O crime com características de execução será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: OP9/RN

Postado em 18 de abril de 2019 - 14:18h