A segunda vítima baleada em posto de combustível de Macaíba é um dos responsáveis pela a morte do empresario Junior Borges.

A segunda vítima  que foi alvejada no posto de combustível de Macaíba, que fica localizada em frente ao SESC, já tinha de versas passagens pela a polícia.
João Lucas, que reside no bairro Morada da Fé, foi socorrido para UPA de Macaíba depois de ser alvejado com disparos de arma de fogo por três homens ainda não identificados que estavam em duas motos.
A polícia militar informou a reportagem da CONNECTTV, que João Lucas é responsável pela a morte do empresario macaibense por nome de Junior Borges, que foi morto a tiros dentro de sua loja no ano de 2017.

Ainda de acordo com a polícia, João Lucas é suspeito de cometer outros crimes na cidade, mas ainda não se sabe ao certo o que pode ter motivado o atentado aonde acabou também alvejando um frentista que estava próximo do mesmo. O frentista por nome de  Wilton Duarte não resistiu aos ferimentos e morreu ao dá entrada na UPA de Macaíba.

CONNECTV MACAÍBA

Postado em 26 de maio de 2019 - 20:31h