Preso em Maxaranguape acusado de homicídio e ocultação de cadáver

Everton Barros da Cruz Borges, 19 anos, foi preso na noite de segunda-feira (27) por policiais civis da Delegacia de Extremoz. A polícia cumpriu mandado de prisão preventiva. O acusado, conhecido como “Boro”, foi detido no bairro Quilombo, na cidade de Maxaranguape, Região Metropolitana de Natal, pelos crimes de homicídio, ocultação de cadáver e associação criminosa.

“Boro”  é acusado de matar Renato Ferreira Francelino, conhecido como “Cocada”. Os crimes, que aconteceram em novembro de 2018, no bairro Novo Horizonte, em Maxaranguape, foram feitos em parceria com Wesley Andrade de Oliveira. O mandado foi expedido pela Vara Única da Comarca de Extremoz. Ele foi conduzido à delegacia e encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

OP9/RN

Postado em 29 de maio de 2019 - 15:16h