Polícia Militar faz reconhecimento histórico à policial morto em serviço em 1982

O Boletim Geral da Polícia Militar da última sexta-feira (20) trouxe publicado o ato de reconhecimento histórico do Soldado Adailton Lima da Silva, morto durante atendimento a uma ocorrência no bairro Ponta Negra no ano de 1982.

De acordo com matéria jornalística veiculada no dia 19 de fevereiro de 1982, o Soldado PM Adailton Lima da Silva realizava o patrulhamento a pé no bairro Ponta Negra, zona Sul de Natal, juntamente com o Soldado PM Souza, no dia 18 de fevereiro de 1982, quando foram acionados por uma pessoa informando um arrastão em uma residência localizada na Avenida Ponta Negra.

Durante a varredura nos cômodos do imóvel, em um dos quartos o Soldado Adailton Lima foi surpreendido por um criminoso que atingiu o policial na região abdominal com um disparo de uma carabina, calibre .44.

Por ocasião do ferimento, o Soldado Adailton Lima não resistiu e faleceu, tendo sido velado na Capela da Polícia Militar e conduzido em uma viatura do Corpo de Bombeiros para o Cemitério do Alecrim, onde foi sepultado no antigo Mausoléu do Soldado Luiz Gonzaga.

O Soldado PM Adailton Lima da Silva ingressou na Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte no ano de 1980, tendo falecido aos 25 anos de idade, cumprindo o juramento de defender a sociedade mesmo com o risco da própria vida.

Com o reconhecimento histórico do Soldado PM Adailton Lima da Silva, sua foto passa a ser fixada na Galeria dos Bravos Heróis da Polícia Militar, destinada a policiais militares mortos em serviço.

PM/ASSECOM/Repórter: CB GLAUCIA

Postado em 26 de março de 2020 - 19:57h