Brumadinho: bombeiros resgatam 46 pessoas e 299 estão desaparecidas

Ao menos nove pessoas foram encontradas mortas após o rompimento de uma barragem da mineradora Vale, em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta sexta-feira (25).

Segundo boletim das forças integradas de segurança, formadas por Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil divulgado na tarde deste sábado (26), 299 pessoas permanecem desaparecidas, e mais 46 foram encontradas e encaminhadas para unidades de saúde. Cerca de 60 pessoas ainda aguardam resgate, mas estão em área sem eletricidade, nem sinal de telefonia e internet.

O presidente da Vale, Fabio Schvarstman, disse estar “consternado” com o rompimento da barragem da mineradora e afirmou que não conhece as causas da tragédia nem sua dimensão exata.

Um gabinete de crise da tragédia em Brumadinho está sendo estruturado na Faculdade Asa, que fica a pouco mais de seis quilômetros do local do acidente.

JAIR SAMPAIO

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 19:05h

MAIOR É PRESO E MENOR APREENDIDO PELA PM APÓS ASSALTO NO BAIRRO NOVA BETÂNIA EM MOSSORÓ-RN

Policiais Militares do Grupo Tático Operacional (GTO) do 2º BPM, prenderam na noite desta sexta-feira, 25 de Janeiro de 2019, um indivíduo identificado como Cleiton Wendel Rocha de Oliveira, de 22 anos, e apreenderam um adolescente, suspeitos de realizar um assalto no bairro Nova Betânia em Mossoró.
Segundo a polícia, a dupla estava numa motocicleta e armada com um revólver calibre 32 com duas munições intactas, praticaram um roubo a um casal que trafegava pela Avenida João da Escóssia, nas proximidades do Estádio de Futebol o “Nogueirão”.
Após o roubo, os dois fugiram em direção ao Centro da cidade, onde foram perseguidos pela equipe da GTO que havia sido acionada pelo Centro Integrado de Operações da Polícia Militar (CIOSP).
Houve uma perseguição por várias ruas do Centro, mas os suspeito colidiram a moto no canteiro central da Avenida Augusto Severo, e acabaram sendo abordados e presos. Com eles, os policiais recuperaram o celular que havia sido roubado do casal minutos antes.
Cleiton Wendel que reside no bairro Costa e Silva, e o menor infrator que mora na cidade de Areia Branca, foram conduzidos para à Delegacia de Plantão no Alto de São Manoel, para os procedimentos cabíveis.
PASSANDO NA HORA
Postado em 26 de janeiro de 2019 - 18:59h

IDOSA DE 84 ANOS BATE CARRO E VEÍCULO QUASE ‘SOBE’ EM POSTE EM NATAL-RN

Um acidente de trânsito assustou quem passava pela Avenida Prudente de Moraes nas proximidades da Arena das Dunas no início da manhã deste sábado (26). Por voltas 8h30, um carro colidiu com um poste e ficou em posição vertical.
A condutora do veículo era uma senhora de 84 anos, que foi atendida no local, e levada ao hospital Walfredo Gurgel sem ferimentos graves. De acordo com testemunhas, ela perdeu o controle, acabou subindo o canteiro e ficou com o carro nessa posição “curiosa”.
Ao lado do veículo, foi encontrado um cartão com os contatos dos familiares da motorista. O filho dela, que mora em Caicó, cidade na região Seridó do estado, foi pego de surpresa ao ser informado do acidente pela equipe de reportagem da TV Ponta Negra.

Muitos curiosos pararam para registrar a cena, mas o trânsito na região não foi prejudicado.

OP9

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 18:52h

Bombeiros confirmam 34 mortes em Brumadinho; região tem alerta de chuva

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais divulgou boletim no final do dia deste sábado (26) confirmando a morte de 34 pessoas por causa do rompimento de barragem de rejeitos da mineradora Vale no Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG). Ainda segundo os bombeiros, 23 pessoas foram encaminhadas aos hospitais e 81 estão desabrigadas.

Nesta tarde, o governo de Minas Gerais confirmou a identificação da primeira vítima do rompimento da barragem. Trata-se da médica Marcelle Cangussu, de 35 anos, que trabalhava na companhia.

A Defesa Civil de Belo Horizonte divulgou alerta para o aumento da intensidade das chuvas na região, recomendando atenção redobrada. Mais cedo, autoridades locais que coordenam as equipes de busca e resgate alertaram que as chuvas poderiam complicar a busca por sobreviventes.

Os bombeiros buscam por sobreviventes em quatro locais: um ônibus e uma locomotiva já localizados, um prédio próximo ao restaurante da Vale e também a comunidade Parque das Cachoeiras. Quatorze aeronaves fazem o trabalho de busca e resgate de vítimas, incluindo helicópteros da Polícia Militar e da Polícia Civil de Minas Gerais e da Força Aérea Brasileira, além de uma aeronave cedida pelo estado do Rio de Janeiro.

O rompimento da barragem B1 ocorreu no início da tarde de ontem (25), na Mina Córrego do Feijão. A quantidade de rejeito acumulado na estrutura fez com que uma outra barragem transbordasse. A lama atingiu uma área administrativa da companhia e parte da comunidade de Vila Ferteco. A barragem estava há mais de três anos inativa, sem receber resíduos. A última auditoria não apontou nenhuma irregularidade, segundo a mineradora. A Vale ainda não informou o que motivou o rompimento.

AGÊNCIA BRASIL

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 18:46h

VÍDEO: Governadora do RN recebeu governo com “apenas R$ 3 milhões no cofre” e rombo de mais de 2 bilhões

A governadora Fátima Bezerra disse que recebeu o governo do estado com apenas R$ 3 milhões em caixa. A informação foi dada nesta sexta-feira (25), em entrevista ao Jornal do Dia, da TV Ponta Negra. De acordo com ela, por outro lado, o passivo deixado ultrapassa os R$ 2 bilhões.

A governadora citou os dados para justificar o porquê de ter decretado calamidade financeira. “Logo que assumi, tive a coragem de decretar estado de calamidade financeira. Porque esse é o nome que deve ser dado a um governo que eu recebo com apenas R$ 3 milhões no cofre”, disse.

De acordo com Fátima Bezerra, antes de decretar a calamidade, ela informou a situação ao secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Facundo de Almeida Júnior, com os devidos argumentos. A governadora confirmou que na próxima semana o Rio Grande do Norte deve ser visitado por uma equipe do Tesouro Nacional.

A petista informou que, também na próxima semana, vai se reunir com deputados estaduais para apresentar o cenário financeiro do estado e os projetos que devem ser encaminhados para votação no Legislativo potiguar.

Entre essas medidas, a governadora vai pedir a antecipação do pagamento de royalties devidos ao Rio Grande do Norte pela exploração de petróleo obtida na Bacia Potiguar. Ela pretende pedir essa antecipação com relação a 2019, 2020, 2021 e 2022. E acredita que os deputados aprovarão seu pedido.

OP9

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 10:28h

Rejeito de Brumadinho deve chegar à hidrelétrica de Furnas

A estatal Furnas, do grupo Eletrobras, monitora a chegada dos rejeitos da barragem de Brumadinho (MG) em sua hidrelétrica Retiro Baixo, que funciona no Rio Paraopeba, podendo comprometer as operações da usina.

A barragem da usina hidrelétrica Retiro Baixo, confirmou a Agência Nacional de Águas (ANA), está localizada a 220 km do local do rompimento e “possibilitará amortecimento da onda de rejeito”. Segundo a ANA, “estima-se que essa onda atingirá a usina em cerca de dois dias”.

O Rio Paraopeba faz parte da bacia do Rio São Francisco. A hidrelétrica Retiro Baixo está localizada entre os municípios mineiros de Curvelo e Pompeu. A usina tem duas turbinas em operação, com capacidade instalada de 82 megawatts, energia suficiente para atender 200 mil habitantes, e opera desde 2010. Seu reservatório de 22 quilômetros quadrados.

Por meio de nota, a ANA informou que está em constante comunicação com os órgãos e autoridades federais e estaduais, inclusive no âmbito de recente Acordo de Cooperação sobre Segurança de Barragens, que está permitindo troca facilitada e mais rápida de dados sobre a situação no local do evento.

“A ANA está monitorando a onda de rejeito e coordenando ações para manutenção do abastecimento de água e sua qualidade para as cidades que captam água ao longo do Rio Paraopeba”, declarou. “A fiscalização da barragem rompida, de acumulação de rejeito de mineração, cabe à autoridade outorgante de direitos minerários”, informou a agência, referindo-se à Agência Nacional de Mineração (ANM).

Por André Borges

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 10:12h

POLICIAIS CIVIS E MILITARES PRENDEM VULGO HERNESTO NO BAIRRO DO GUARAPES

Policiais Militares e Civis cumprem mandato na tarde desta quarta feira (23) e prendem um homem identificado como Antônio Marcos Soares Alves de 20 anos, acusado de participar da execução de um traficante. O mesmo foi conduzido até a DHPP para os procedimentos cabíveis.

TOUROS URGENTE

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 10:05h

Mais de 20 quilos de drogas são apreendidos em casa usada como depósito, em João Pessoa

Ao menos 20 quilos de drogas foram apreendidos nesta sexta-feira (25) em uma casa que era usada para armazenar os entorpecentes, na cidade de João Pessoa. A residência fica no bairro Mangabeira VIII. Parte da droga estava enterrada no quintal.

Segundo a Polícia Militar, foram apreendidos 25 tabletes de maconha. Uma parte estava em um sofá da casa e outra parte enterrada no quintal da residência. No momento da abordagem da Polícia Militar a droga estava sendo fatiada e preparada para ser dividida em porções para consumo.

“Ao passar pelo bairro, percebemos que a casa, que fica em uma invasão, tinha algo estranho, como se pessoas tivessem acabado de deixar o local ao perceber nossa presença, foi quando visualizamos um dos tabletes da droga”, disse sargento da Polícia Militar, Milton Kélio, que realizava as rondas.

Na busca, os policiais encontraram uma faca suja de maconha, que confirmou que a droga estava sendo separada para ser comercializada. Todo o material foi levado para a Central de Flagrantes, no bairro do Geisel. Até 20h30 (horário local) desta sexta-feira não foi confirmada a prisão de nenhum suspeito.

G1/PB

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 10:00h

Bando incendeia estação da Cagece no 25º dia de ataques no Ceará

Criminosos invadiram e incendiaram na madrugada deste sábado (26) uma estação da Companhia de Água e Esgoto do Ceará, distribuidora de água no estado, em Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza. Dois suspeitos foram detidos e outros três fugiram, de acordo com a Polícia Militar. O crime ocorreu no 25º dia seguido de ataques coordenados por facções criminosas.

O bando derrubou o muro da estação usando marretas, destruiu objetos no interior do local e depois incendiou o parte do prédio. O Corpo de Bombeiros controlou as chamas cerca de meia depois.

Desde o início das ações criminosas, ocorreram 256 ataques contra ônibus, carros, prédios públicos, prefeituras e comércios em 50 dos 184 municípios cearenses. Os crimes começaram em Fortaleza e se espalharam para a Região Metropolitana e diversas cidades do interior. A Secretaria da Segurança Pública do Ceará confirmou que 430 pessoas já foram detidas por envolvimento nas ações criminosas.

Os ataques no Ceará começaram após uma declaração do secretário Mauro Albuquerque de que “não reconhece facções” no estado. Áudios compartilhados entre membros de facções do Ceará revelaram que as ordens para as ações criminosas partiram de presidiários. Em um dos áudios, um detento diz que a sequência de crimes é uma tentativa de fazer com que o secretário desista de medidas que tornaram mais rigorosa a fiscalização no sistema penitenciário.

Na madrugada desta sexta, homem foi preso e um adolescente foi apreendido no Residencial Maracanaú, próximo ao local do ataque à estação da Cagece. O adolescente chegou a subir em um telhado para fugir da polícia, mas foi capturado. Também foi encontrado com os suspeitos garrafas com gasolina.

Ainda segundo os policiais, o adolescente confessou para a polícia que o grupo pretendia atacar uma torre de telefonia durante a madrugada. O homem foi preso na Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

Reforço

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 9:54h

GTO Macau prende foragido da justiça conhecido por “Uga Uga”

A polícia militar de Macau sob o comando do capitão Sidcley, recapturou o foragido da justiça Josivaldo Firmino da Silva, mais conhecido como Uga Uga.

O criminoso já é velho conhecido da justiça e foi condenado pelo crime de tráfico de drogas, mas estava foragido. O mandado de prisão diz que Uga Uga tem que cumprir a pena em regime fechado.Desde que o capitão Sidcley assumiu o comando da PM de Macau que monitorava o fugitivo na intenção de capturá-lo, e hoje conseguiu.
Uga Uga foi encaminhando para a Delegacia Regional de Polícia Civil em Macau de onde será encaminhado para um presídio para cumprir sua pena atrás das grades.(LeandroSouza).

FOCOELHO

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 9:43h

Brumadinho: bombeiros resgatam 182 pessoas e 150 estão desaparecidas

O rompimento da Barragem Mina do Feijão em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, deixou cerca de 150 pessoas desaparecidas e 100 que estavam ilhadas já foram resgatadas, segundo informou o Corpo de Bombeiros. Além deles, outras 82 pessoas foram encontradas com vida.

De acordo com o jornal O Tempo, os bombeiros informaram que o refeitório da mineradora Vale tinha capacidade para atender até 200 pessoas. No entanto, ainda não há informações precisas sobre o número de funcionários no local na hora do desastre.

A Vale informou que, dos 427 empregados que estavam no local, 279 foram localizados até às 20h45 de sexta. O Corpo de Bombeiros informou ainda que cerca de 30 pessoas conseguiram sair correndo e teriam escapado da correnteza de lama. Até o momento, foram confirmada sete mortes. O Corpo de Bombeiros segue nas buscas por trabalhadores e moradores da região.

JAIR SAMPAIO

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 9:40h

Polícia Civil cumpre mandado de prisão por estupro de vulnerável em Mossoró

oliciais civis da Delegacia Especializada em Homicídios (DHM) de Mossoró cumpriram, nesta sexta-feira, 25 de janeiro de 2018, um mandado de prisão expedido pela comarca de campo Grande RN, contra Flávio Lima Marcelino,acusado de crime de estupro de vulnerável.

O foragido foi preso na Rua Souza Leão no bairro Belo Horizonte, em Mossoró e segundo o delegado Rafael Arraes, não resistiu a prisão. Após ser capturado, Flávio Lima foi conduzido a sede da DHM e depois dos procedimentos encaminhado à Cadeia Pública de Mossoró, onde ficará a disposição da justiça.

De acordo com o delegado Arraes, Flávio também é investigado em uma crime de tentativa de homicídio na cidade de Campo Grande. A DHM chegou até o foragido depois que recebeu algumas denúncias apontando o seu paradeiro.

FIM DA LINHA

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 0:24h

Vítima de atentado a bala em Patu não resiste e morre no Hospital Tarcísio Maia em Mossoró

Marlos Alves Suassuna, de 35 anos, foi baleado na última quarta feira, 22 de janeiro, próximo a um espetinho na cidade de Patu, região Oeste do Rio Grande do Norte. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró, não resistiu a gravidade dos ferimentos e morreu nesta sexta feira (25) naquela unidade hospitalar.

O corpo de Marlos, foi removido do necrotério do HRTM, para o Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP), onde foi examinado e já liberado para sepultamento. Durante a internação a vítima teve uma das pernas amputadas em consequ~encia dos disparos.

A Polícia Civil de Patú, sob o comando do delegado Sandro Régis, que vai investigar o caso, ainda não tem informações sobre motivação e autoria do crime. No site do Tribunal de Justiça do RN consta um processo por porte ilegal de arma de fogo contra ele e dois processos em que o mesmo está como vítima de dois atentados a tiros.

FIM DA LINHA

Postado em 26 de janeiro de 2019 - 0:21h

Criança engasgada é salva por agente DA ASSOCIAÇÃO DE BOMBEIROS CIVIS E BRIGADISTAS DE CURRAIS NOVOS

Hoje dia 25/01, por volta das 09:00 , uma mãe desesperada com sua filhinha de apenas 1 mês e meio, residente na rua Joventino da Silveira, procurou a unidade de saúde do centro. Pois a mesma se queixava que sua filha estava engasgada, com uma obstrução na traqueia, a criança foi socorrida imediatamente pelos profissionais daquela unidade, pois lá estava o agente comunitário de saúde e bombeiro civil Giliard Dantas , que ao perceber a gravidade do problema , tomou controle da situação e desobstruiu as vias respiratórias do bebê dentro dos procedimentos correto.

Vindo a salvar a vida da criança, Giliard faz parte da equipe do PSF CENTRO E DA ASSOCIAÇÃO DE BOMBEIROS CIVIS E BRIGADISTAS DE CURRAIS NOVOS. Logo após a criança ter sido salva foi encaminhada para o hospital regional para ser avaliada pela equipe médica.
BLOG PLANTÃO DE NOTÍCIA
Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:34h

Decreto obriga secretarias a detalhar uso de frota de veículos do Governo do RN

A governadora Fátima Bezerra disciplinou o uso da frota veicular do Governo do Estado, através do decreto nº 28.700, publicado na edição desta sexta-feira (25) do Diário Oficial do Estado (DOE). A medida visa à otimização dos gastos públicos, segundo o Poder Executivo, tendo em vista a situação de calamidade financeira decretada oficialmente no dia 2 de janeiro.

O Governo afirma que a ação foi adotada para aprimorar a gestão de combustível e o controle de abastecimento, resultando na redução de despesas.

A partir de agora, todos os titulares ou dirigentes dos órgãos ou entidades da administração pública estadual – direta, indireta e fundacional – terão 15 dias, a contar desta sexta-feira, para prestar informações detalhadas sobre o uso dos veículos que estão sob sua responsabilidade. As informações deverão ser encaminhadas ao Gabinete do Secretário da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed), coronel Francisco Araújo, por meio do Sistema Eletrônico de Informações (SEI). Os órgãos que descumprirem as regras não poderão reabastecer os veículos.

“Apesar de não termos dados concretos acerca da economia que essa medida vai gerar, podemos afirmar que o Estado terá uma grande redução de gasto com a implementação do decreto”, declarou Araújo. Através de um software, a Sesed determina cotas e regula o gasto de combustível de todo o sistema de segurança.

O Poder Executivo diz que esse controle será ampliado para toda a frota veicular do Estado por meio de gestão compartilhada com a Secretaria de Estado da Administração e dos Recursos Humanos (Searh).

G1/RN

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:28h

Motorista sob efeito de anfetamina e armado é preso pela PRF na BR 304

No final da noite desta quinta-feira (24), no km 193 da BR 304, no município de Lajes/RN, durante fiscalização de rotina, a Polícia Rodoviária Federal abordou um caminhão trator, de cor branca.

O condutor do veículo, um homem de 41 anos, que viajava de Itapissuma/PE para Mossoró/RN, apresentou nervosismo exacerbado durante a abordagem.

Foi perguntado se o motorista fazia uso de arrebites, momento em que este respondeu positivamente.

Após buscas no interior da cabine, foram encontrados 53 comprimidos do medicamento nobésio forte, além de uma pistola de 7,65 mm, de fabricação francesa, contendo 8 munições, carregada e pronta para o uso.

O motorista foi preso por porte ilegal de arma de fogo e porte de droga para consumo. A ocorrência foi encaminhada para a Central de Flagrantes em Natal/RN.

Apesar de serem prescritas para inibir o apetite, as anfetaminas são utilizadas pelos motoristas profissionais, como supressor do sono, para permanecer dirigindo ininterruptamente por longo período, aumentando o risco de acidentes de trânsito.

JAIR SAMPAIO

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:24h

Justiça determina indisponibilidade de bens de ex-governadora do RN

O juiz Eduardo Pinheiro, convocado pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, deferiu pedido do Ministério Público Estadual e decretou a indisponibilidade dos bens da ex-governadora e atual prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, do ex-secretário estadual de Saúde, Domício Arruda, da Associação Marca e de outras 23 pessoas físicas ou jurídicas que são partes no processo.

Segundo o Ministério Público, os demandados são responsáveis por desvios de dinheiro público no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte, mediante a realização de termo de parceria com a Associação Marca para administração do Hospital da Mulher Parteira Maria Correia – que passou por uma intervenção judicial em 2013 e depois acabou fechado, em 2016.

Em nota, a defesa da ex-governadora afirmou que a ação judicial foi baseada em relatório do Tribunal de Contas do Estado, mas Rosalba Ciarlini foi excluída do rol dos responsáveis pelo próprio TCE. “A defesa preliminar demonstrou que a então governadora não praticou nenhum ato de improbidade administrativa, nem determinou nenhuma prática que pudesse causar prejuízo ao erário nem desvio de finalidade de atos. Pelo contrário, determinou a abertura de processo para cancelar o contrato com a empresa Marca que administrava o Hospital da Mulher”.

G1 não conseguiu contato com os demais citados no processo.

A indisponibilidade inclui bens imóveis, veículos automotores, aeronaves, embarcações aquáticas e ativos financeiros, até o montante de R$ 11.827.563,84, valor apontado pelo Corpo Técnico do Tribunal de Contas do Estado.

Para o MP, a indisponibilidade é necessária como garantia à perda dos bens e valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio dos agravados e para assegurar o pagamento das multas eventualmente cominadas a título de sanção pela prática do ato ímprobo e o ressarcimento dos danos suportados pelo erário.

Decisão

Em sua decisão, o juiz convocado Eduardo Pinheiro considera que “a indisponibilidade, na verdade, representa a garantia de futura recomposição do patrimônio público, violado pela conduta do agente ímprobo. Sua concessão está condicionada à demonstração de indícios de responsabilidade da prática de ato de improbidade, visto que o perigo em esperar pelo julgamento final, em mencionados casos, é presumido”.

O magistrado faz referência à jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para entender que a decretação da indisponibilidade não está condicionada à comprovação de dilapidação efetiva ou iminente de patrimônio, porquanto visa, justamente, a evitar dilapidação patrimonial.

Eduardo Pinheiro destaca que a decisão de 1ª Grau reconheceu a presença de indícios da prática de atos de improbidade e que as condutas de cada agente que importaram, em tese, na prática de atos ímprobos, estão fortemente presentes na petição do Ministério Público.

“No caso em análise, presumido o dano ao erário e reconhecidos os indícios da prática de ato de improbidade desde a decisão proferida na primeira instância, a decretação da indisponibilidade de bens é medida que ultrapassa os limites da recomendação ou mera precaução, impõe-se, e assim deve permanecer até o fim da instrução do processo, de modo a assegurar o ressarcimento ao erário por qualquer um dos Agravados, limitando-se a medida constritiva ao valor inicialmente apontado nos autos”, decidiu o juiz convocado pelo TJRN.

G1/RN

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:21h

NOVA TRAGÉDIA EM MINAS GERAIS. MAIS DE 300 PESSOAS ESTÃO DESAPARECIDAS APÓS BARRAGEM ESTOURAR EM BRUMADINHO

O Corpo de Bombeiros confirma o desaparecimento de 300 pessoas após o rompimento da barragem em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte. 
Rejeitos de lama atingiu a cidade na tarde desta sexta-feira (25).
A barragem da Mina Feijão, administrada pela Vale, atingiu a cidade de Brumadinho e causou destruição. 
Aeronaves do Corpo de Bombeiros, Exército e Polícias Civil e Militar foram encaminhadas ao local para resgate e atendimento das vítimas.
R7
Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:13h

Noite de terror na região agreste do RN, com sequestro, arrombamento, assaltos e prisões. Confira

Meliantes numa Strada que foi tomada de assalto na cidade de São José do Mipibu, sequestraram uma empresária em sua residência no Distrito de Córrego de São Mateus, município de Boa Saúde na região agreste do RN.  
A empresária foi levada até a residência de sua funcionária que estava com as chaves da Casa Lotérica. Ambas foram obrigadas, sob ameaça de uma arma de fogo, a abrir a casa Lotérica, onde foi realizado o assalto. 
Em seguida as reféns foram liberadas, sem ferimentos. As vítimas estão  muito abaladas, mas passam bem.Os mesmos meliantes empreenderam fuga, e na cidade vizinha em Serra Caiada realizaram o arrombamento da casa de uma proprietária de uma rede de Mercadinhos Padre Cícero.
SE DERAM MAL!
Após o ato se deslocaram pela BR 226 e já na BR 304, no trecho conhecido como Reta Tabajara, tentaram realizar outros assaltos com a intenção de trocar de veículo…
Na ação um vereador de uma cidade do interior foi alvejado com um tiro no peito e socorrido ao hospital Dioclécio Marques. Mais a Polícia Rodoviária Federal em uma ação rápida conseguiu interceptar e prender seis meliantes, a PRF, informou que as armas usadas durante essa onda de crimes praticados por essa quadrilha não foram  encontradas por que eles jogaram dentro do mato assim como o dinheiro.
JS BLOGUEIRO / G1/RN
Postado em 25 de janeiro de 2019 - 19:06h

QUATRO HOMENS E DUAS MULHERES SÃO DETIDOS DURANTE OPERAÇÃO DA PM NAS MALVINAS EM MOSSORÓ-RN;DUAS MOTOS ROUBADAS E UMA ARMA DE FOGO FORAM APREENDIDAS

Uma operação realizada pela Polícia Militar no final da manhã desta sexta feira 25 de janeiro de 2019,na área das Malvinas em Mossoró no Rio Grande do Norte acabou com seis pessoas detidas.
Quatro homens,sendo três maiores e um menor de idade e duas mulheres, sendo uma menor, estão entre os detidos.
Os policias da ROCAM se encontravam em patrulhamento no Conjunto Jardim das Palmeiras, nas proximidades do Ceduc quando foram acionados pelo  Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp),sobre  um assalto praticado por uma dupla em uma moto em uma Bros vermelha de onde foi levada  uma moto Honda Biz.
Durante o patrulhamento, os policiais se depararam com uma dupla com as mesmas características informada e durante a abordagem foi encontrado um revolver calibre 32 e foi constatado que a Bros em que eles estavam tinha queixa de roubo e informaram onde estava a Biz que tinha acabado de ser tomada de assalto.
Foi solicitado apoio a viatura da área (1204),e quando la chegaram encontraram os elementos que foram detidos e alguns documentos de pessoas que eles não conhecem.
Max William Soares de Oliveira, 20 anos; Antônio Allify Aquino Rodrigues, 23 anos, Marcelo Alves Lopes, 31 anos e Jéssica Maria de Lima Meire da Silva, 22 anos. foram presos conduzidos para a Delegacia de furtos e Roubos (DEFUR) juntamente com  o material aprendido, e apresentado a autoridade policial  para os procedimentos cabíveis.

Os menores foram encaminhados para a Delegacia do Adolescente.

PASSANDO NA HORA

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 18:07h

Justiça do RN determina bloqueio de R$ 6,3 milhões do ex-governador Robinson Faria

A Justiça do Rio Grande do Norte determinou a indisponibilidade de bens do ex-governador do estado, Robinson Faria (PSD), com bloqueio de R$ 6,3 milhões em contas bancárias, além de carros e imóveis. A decisão tomada após pedido do Ministério Público é do juiz Francisco Seráphico da Nóbrega Coutinho, da 6ª Vara da Fazenda Pública de Natal, dentro da ação aberta após a Operação Dama de Espadas – que investigou desvio de recursos na Assembleia Legislativa do RN.

Na ação civil, o Ministério Público denunciou Robinson Faria por inserir servidores fantasmas na folha de pagamento da Assembleia, na época em que era deputado e que foi presidente da Casa, entre 2006 a 2015. A Operação Dama de Espadas, que apura os desvios, foi deflagrada em 2015 e conta com delação premiada de ex-servidores da Casa.

G1 procurou a defesa do ex-governador, mas não teve as ligações atendidas.

De acordo com a denúncia, Robinson inseriu pessoas na folha da ALRN de forma fraudulenta utilizando os “cofres públicos para remunerar pessoas à sua exclusiva disposição, seja em atividades eminentemente particulares, seja na prestação de serviços de cunho eleitoral, e patrocinar a velha e antidemocrática política demanutenção de ‘curral eleitoral’, por meio da compra ‘parcelada’ de apoios políticos”.

O valor bloqueado seria referente ao valor desviado dos cofres públicos no período.

Decisão

Na decisão, o magistrado afirma existem “fortes indícios” de que Robinson Faria era destinatário e beneficiário de esquema ilícito de desvio de recursos da Assembleia.

“A narrativa do Ministério Público Estadual encontra respaldo nos depoimentos dos colaboradores, nos extratos bancários e nos documentos fiscais, havendo indicação precisa e clara de pessoas que teriam sido indicadas pelo demandado e arregimentadas pelo seu estafe para instituição e manutenção de projeto para enriquecimento ilícito e financiamento político ilegal”, relada o juiz.

Para ele, o Ministério Público também apresentou dados bancários e fiscais que comprovavam movimentação financeira atípica, demonstrando que os servidores indicados não eram destinatários finais da integralidade de vencimentos, porque sacavam quase 90% dos salários de uma única vez e não havia comprovação de bens.

“Em outros casos, há aparente incompatibilidade de exercício de cargo comissionado na Assembleia Legislativa, considerando as outras atividades declaradas e informações disponíveis no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), circunstância característica da condição de ‘fantasma'”.

O magistrado também considerou na decisão que os promotores apresentaram vários indícios de utilização de “pessoas humildes” e de baixa escolaridade para um projeto de enriquecimento ilícito e de financiamento de campanha política do qual o ex-governador seria o beneficiário final.

Dama de Espadas

A operação Dama de Espadas foi deflagrada em agosto de 2015. De acordo com o Ministério Público, os desvios dos cofres da AL passaram de R$ 5,5 milhões, à época. Atualizados, os valores ultrapassariam os R$ 9 milhões. Ainda segundo informações do Ministério Público, a associação criminosa era composta por servidores públicos do órgão com o auxílio de um gerente do banco Santander.

Eles utilizavam “cheques salários” como forma de desviar recursos em benefício próprio ou de terceiros. Os cheques destinados a servidores fantasmas eram sacados, em sua maioria, pelos investigados ou por terceiros não beneficiários, com irregularidade na cadeia de endossos ou com referência a procurações, muitas vezes inexistentes.

A então procuradora-geral da Assembleia Legislativa, Rita das Mercês, e a assessora direta dela, Ana Paula Macedo Moura, foram presas durante a operação, mas foram soltas por força de um habeas corpus três dias depois.

Delações

Durante as investigações, Rita das Mercês e seu filho, Gutson Reinaldo, firmaram acordo de delação premiada, que foram confirmados no ano passado nos depoimentos deles à Justiça.

De acordo com Rita das Mercês, os servidores nomeados eram indicados por deputados e até por desembargadores do TJRN. Ainda segundo ela, os presidentes da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte usaram os cargos da Casa para comprar apoio dos deputados estaduais em votações de interesse próprio. A investigação abrange as administrações do deputado Ricardo Motta e também do governador Robinson Faria, quando eles estavam na presidência do Legislativo.

Ainda na delação, Rita das Mercês afirmou que Robinson embolsou aproximadamente R$ 100 mil por mês, com o desvio de recursos, entre 2006 e 2010. “O esquema, todos os deputados sabiam de como era a questão dos laranjas, dos fantasmas, porque isso é público e notório diante da Assembleia que o gabinete, que é mínimo, não cabe 60, 70 pessoas indicadas pelo deputado”, declarou.

Além de deputados, segundo a ex-procuradora, cargos foram ocupados por indicação de desembargadores do Tribunal de Justiça do RN, conselheiros do Tribunal de Contas, ex-governadores, deputados federais e senadores, além de prefeitos e vereadores de Natal e de cidades do interior, que também se beneficiariam financeiramente.

Tentativa de obstrução

Já Gutson afirmou à Justiça que após a deflagração da operação, foi procurado por pessoas que chegaram a oferecer dinheiro para “comprar o silêncio” dele e da mãe, Rita da Mercês. Rita afirmou que chegou a receber R$ 5 mil por mês, a mando do governador.

A partir das afirmações dela, o MPF realizou a Operação Anteros, que chegou a prender assessores de Robinson e que investiga o ex-governador por suspeitas de organização criminosa e obstrução da Justiça. Ele foi denunciado ao Superior Tribunal de Justiça em setembro do ano passado.

G1/RN

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 18:01h

Duas pessoas são baleadas durante assalto em Mossoró

Uma ocorrência de assalto registrada pelo Centro de Integrado de Operações da Polícia Militar (CIOSP),por volta das 21:00hs desta quinta feira 24 de janeiro de 2019,no final da Rua Marechal Deodoro, no Bairro Barrocas,em Mossoró no Rio Grande do Norte acabou com duas pessoas baleadas.
De acordo com as informações,os criminosos atacaram uma casa próximo a um curral.
Na ação criminosa, dois homens foram baleados pelos assaltantes, um foi baleado na perna e outro no abdômen, e socorridos para a UPA do Santo Antônio e depois levados para a o HRTM.
Ainda segundo informações,após balearem as vítimas os bandidos ainda invadiram a residência e levaram objetos de valor.
Várias viaturas da PM foram ao local, mas não encontraram os bandidos que fugiram de moto.
PASSANDO NA HORA
Postado em 25 de janeiro de 2019 - 9:41h

PM localiza veículos roubados durante patrulhamento em São Gonçalo

Por volta das 10h da manhã dessa quarta-feira (23), policiais militares do 2° Grupamento de Polícia Rodoviária estadual (2º GPRE) de São Gonçalo do Amarante localizaram dois veículos em local distante da rodovia e da cidade.

Os militares realizavam um patrulhamento intensificado quando em uma área de mata localizaram um automóvel tipo Nissan/Versa e uma pick-up tipo Mitsubishi/L-200.

As equipes entraram em contato com seus respectivos donos para os procedimentos cabíveis e devolução.

MACAÍBA NO AR

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 9:12h

Com tiro no peito: Vereador Rutênio é socorrido para um hospital de Natal

Seis homens foram presos na madrugada desta sexta-feira (25) suspeitos de estarem assaltando motoristas que trafegavam pela Reta Tabajara, como é mais conhecido o trecho da BR-304 entre Macaíba e a rotatória de acesso à BR-226, na Grande Natal. Em meio aos assaltos, um vereador do município de São João do Sabugi foi baleado no peito. Ele foi levado consciente para o hospital.

Segundo a PRF, o primeiro alvo dos criminosos foi uma Amarok. Mas, o motorista conseguiu escapar da ação e pediu socorro no posto da PRF, em Macaíba. Enquanto os policiais rodoviários seguiam para a Reta Tabajara, os bandidos emparelharam o carro em que estavam, um Fiat Strada, a uma caminhonete Split, onde estavam dois sargentos da PM, dois servidores do Detran e o vereador.

Um dos bandidos atirou contra o motorista da Split, mas o tiro acabou acertando o peito do vereador de São João do Sabugi, que estava no banco do carona. O vereador foi socorrido para o hospital, mas ainda não há informações sobre o estado de saúde dele.

Quando os policiais chegaram ao local onde estavam ocorrendo os assaltos, os criminosos estavam prestes a abordar um caminhoneiro. O Fiat Strada foi interceptado e os bandidos presos. A PRF informou que as armas dos assaltantes não foram apreendidas porque foram jogadas no mato e ainda não foram encontradas.

Já os criminosos, foram reconhecidos e entregues à Polícia Civil, na Delegacia de Plantão da Zona Sul de Natal.

G1RN

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 9:04h

Ônibus, carros e tratores são incendiados por criminosos no 24º dia de ataques no Ceará

Criminosos realizaram uma série de ataques contra veículos entre a noite de quinta-feira (24) e a manhã desta sexta-feira (25) em Fortaleza e Região Metropolitana. Na capital, homens armados assaltaram clientes de um posto de gasolina e, antes de fugirem, atearam fogo em um carro que estava estacionado no local. Bandidos também queimaram dois tratores, um ônibus e um micro-ônibus na capital e em Maracanaú. Já nesta manhã, uma van foi incendiada no Bairro Dias Macêdo, em Fortaleza. A violência no estado chegou ao 24º dia.

Desde o dia 2 de janeiro, quando começaram as ações criminosas, ocorreram 250 ataques contra ônibus, carros, prédios públicos, prefeituras e comércios em 50 dos 184 municípios cearenses. As ações começaram em Fortaleza e se espalharam para a Região Metropolitana e diversas cidades do interior. A Secretaria da Segurança Pública do Ceará confirmou que 414 pessoas já foram detidas por envolvimento nas ações criminosas.

Para tentar conter os ataques, o governo estadual convocou 1.200 policiais militares da reserva para reforçar a segurança nas ruas. O Ministério da Justiça enviou agentes da Força Nacional e reforço da Polícia Rodoviária Federal para o estado. Policiais militares e agentes penitenciários de outros estados brasileiros também foram deslocados ao Ceará após o início dos crimes.

O posto de combustível foi atacado por criminosos no Bairro Papicu por volta das 21h. Clientes que estavam no local foram assaltados por dois suspeitos, que, antes de fugir, incendiaram um dos carros estacionados no local. Câmeras de segurança do local registraram a ação crimosa.

Conforme um funcionário do estabelecimento, os suspeitos assaltaram cinco clientes que estavam na calçada da loja de conveniência. O fogo foi controlado por funcionários do posto de combustível. Apesar do ocorrido, não houve feridos nem danos à estrutura do estabelecimento.

Veículos incendiados

Na manhã desta sexta, criminosos incendiaram uma van na Rua Capitão João Ferreira Lima. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada ao local e apagou as chamas.

Por volta das 22h de quinta-feira, dois homens invadiram o prédio do Centro Social Urbano (CSU) César Cals, localizado na Rua Coronel Matos Dourado, no Bairro Pici, em Fortaleza, e incendiaram dois tratores que estavam estacionados no local. A dupla pulou um muro que cerca a parte lateral do prédio e ateou fogo no estofado dos veículos.

As chamas foram apagadas por policiais militares com a ajuda de populares, que utilizaram baldes com água e conseguiram evitar que o fogo se espalhasse pelo prédio. Os tratores seriam usados em obras para a construção de um novo prédio. Os suspeitos fugiram em uma motocicleta.

Já na cidade de Maracanaú, na Região Metropolitana da capita, um micro-ônibus foi incendiado na Rua Chanceler Edson Queiroz, no Bairro Jardim Bandeirante. O veículo estava deixando funcionários de uma empresa na região, quando o motorista e oito passageiros que estavam no micro-ônibus foram rendidos por seis homens armados.

Um dos suspeitos atirou contra o veículo e o grupo ordenou que os passageiros deixassem do micro-ônibus. As chamas chegaram a atingir parte de uma fiação do local, mas não há informações de pessoas feridas. O Corpo de Bombeiros foi acionado para o local e conseguiu controlar o incêndio.

Por de 22h40, um ônibus foi incendiado em frente ao condomínio Alameda das Palmeiras, no Bairro Pedras, em Fortaleza. Por conta do incêndio, houve registro de explosões no ônibus, que ficou destruído. O fogo foi controlado por uma equipe do Corpo de Bombeiros.

G1/CE

Postado em 25 de janeiro de 2019 - 8:55h

Mulher foi baleada ao tentar fugir de assaltantes em Mossoró

Uma mulher que teve a identidade preservada por se tratar de uma vítima de tentativa de assalto, deu entrada por volta das 20:40hs desta quinta feira 24 de janeiro de 2019 , na UPA do São Manoel, vítima de um disparo de arma de fogo na perna.
Segundo a Guarda Civil da UPA, ela informou que dois elementos em uma moto Bross de cor preta, que foi tomada de assalto na manhã de hoje de um filho de um policial, abordaram ela ou tentaram abordar no bairro Sumaré e ela teria escapado.
Assim sendo um deles atirou em direção a ela que foi atingida na perna. Ela passa bem e possivelmente será liberada da própria UPA.
PASSANDO NA HORA
Postado em 25 de janeiro de 2019 - 8:48h

Mossoró: adolescente de 15 anos é suspeito de matar PM da reserva

Um adolescente de 15 anos é suspeito de ter assassinado Izac Adriel da Silva, 16 anos, e o policial militar da reserva Cícero Melo Geminiano, 55 anos. A informação foi dada pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Mossoró, segunda maior cidade do RN. Agora, após a investigação da DHPP de Mossoró desvendar os crimes, a polícia trabalha para encontrar o suspeito.

O primeiro crime aconteceu dia 9 de dezembro de 2018, quando Izac Adriel da Silva saía de um clube na Avenida Alberto Maranhão, no centro da cidade. Ele teria sido atingido por pelo menos 13 tiros. O delegado que atendeu o caso, Roberto Moura, disse na época que Izac teria se desentendido com alguém dentro da boate. E que sua morte poderia ser um acerto de contas. De acordo com testemunhas, o crime teria sido cometido por uma dupla, que chegou em uma motocicleta e efetuou os disparos.

Leia também:
PM aposentado assassinado em Mossoró. É o segundo em dois dias

A segunda morte atribuída ao adolescente de 15 anos aconteceu dia 13 de janeiro de 2019, no bairro Santo Antônio. O cabo Cícero Geminiano estava em uma pizzaria com sua esposa, na Rua Nicássia Costa de Araújo, quando uma dupla chegou em uma motocicleta e teria anunciado o assalto.

Cícero estava armado e reagiu. Houve trocas de tiros. Ao final do tiroteio ele foi atingido três vezes. O PM da reserva ainda chegou a ser socorrido, mas morreu, devido à gravidade dos ferimentos. Os suspeitos fugiram do local sem levar nada. A esposa do policial não se feriu.

OP9

Postado em 24 de janeiro de 2019 - 21:16h