Homem é preso por aliciar sexualmente menina de 13 anos em Natal

Um homem de 27 anos foi preso em flagrante aliciando uma adolescente de 13 anos em um shopping da Zona Sul de Natal, nesta segunda-feira (14). Um policial foi chamado por familiares, que monitoraram o suspeito.

Os contatos do homem com a menina começaram por uma rede social. Como não conseguiu resposta dela, ele conseguiu o telefone da adolescente começou a trocar mensagens com ela por um aplicativo.

Após tentar seduzir a adolescente, a moça chamou a mãe e mostrou a conversa. A família percebeu que o homem queria marcar um encontro íntimo e inclusive ter relações sexuais com a adolescente. A mãe da vítima se passou por ela e marcou o encontro em um shopping.

A adolescente foi ao shopping e era monitorada pelo padrastro, que também chamou um PM disfarçado. O soldado Ildo Ferreira, que trabalha na Operação da Lei Seca estava de folga, no mesmo local e realizou a prisão em flagrante.

O policial afirmou que o homem levou a menina para uma lateral do shopping, que fica mais escura à noite. “Ela foi andando em direção à parada de ônibus. Ele veio por trás e passou a mão no ombro dela. Ai nós conseguimos detê-lo”, disse. “Era conversa pesada, pornografia pura”, classificou o policial, que teve acesso à troca de mensagens.

O suspeito disse à polícia que joga o nome de meninas nas redes sociais e clica nas fotos de crianças e adolescentes. Após conseguir o telefone das menores, ele entra em contato através do aplicativo Whatsapp.

A Polícia Civil pede que se há alguma vítima, criança ou adolescente que foi aliciada de forma parecida, procure uma delegacia junto com os pais, para tentar reconhecer o suspeito preso.

G1/RN

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 19:59h

Comandante-geral troca chefias e diretorias administrativas da PM

Nesta terça-feira (15), o Comandante Geral da Polícia Militar, Coronel Alarico Azevedo Júnior, promoveu uma solenidade interna para efetivar a troca de chefias e diretorias de setores administrativos da Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte.

Ao todo, foram efetivadas mudanças em 14 setores administrativos da Polícia Militar, integrantes de órgãos de direção e de apoio, além de grandes comandos.

Os órgãos de direção e de apoio realizam o comando e a administração da Polícia Militar, incumbindo-se do planejamento e organização e visando às necessidades de pessoal e material, além do emprego da Corporação para o cumprimento de suas missões.

Já os grandes comandos, compostos pelo Comando de Policiamento Metropolitano, Comando de Policiamento do Interior e Comando de Policiamento Rodoviário Estadual, além dos Comandos de Policiamento Regional I, II e III, integram a estrutura organizacional básica da Polícia Militar e são responsáveis pela preservação da ordem pública em suas respectivas áreas de atuação no que compete à Polícia Militar, de acordo com as diretrizes e ordens emanadas do Comando Geral.

Em seu discurso para os novos diretores e chefes dos setores administrativos e comandantes dos grandes comandos, o Comandante Geral pediu o empenho de todos no cumprimento de suas respectivas missões, sempre visando a manutenção da ordem pública e da paz social, conforme preceitua a Constituição Federal. “Nossa missão é resgatar a tranquilidade e a credibilidade da população em nossa Segurança Pública”, disse o Comandante Geral. “Para isso, iremos motivar nossos policiais com premiações para aqueles que se destacarem durante o serviço, desde o Soldado ao Coronel”, completou. “Eu sou mais um a trabalhar com os senhores, quer seja na área administrativa ou operacional”, finalizou o Comandante.

Confira os setores que passaram por mudanças e seus respectivos chefes, diretores e comandantes.

  • COMANDO DE POLICIAMENTO METROPOLITANO: Coronel PM Raimundo Aribaldo Mendes de Souza
  • COMANDO DE POLICIAMENTO DO INTERIOR: Coronel PM Lenildo Melo de Sena
  • COMANDO DE POLICIAMENTO RODOVIÁRIO ESTADUAL: Coronel PM Edmundo Clodoaldo da Silva Júnior
  • DIRETORIA DE PESSOAL: Coronel PM Francisco Alvibá Gomes
  • DIRETORIA DE ENSINO: Coronel PM Klécius Bandeira Cavalcante
  • DIRETORIA DE APOIO LOGÍSTICO: Coronel PM Josimar de Lima
  • CENTRO DE ESTUDOS SUPERIORES: Coronel PM Wellington Arcanjo de Morais
  • SERVIÇO DE PESSOAL INATIVO: Coronel PM Jair Justino da Pereira Júnior
  • CORREGEDORIA AUXILIAR: Coronel PM Edwin Aldrin Salviano de Brito
  • ACADEMIA DE POLÍCIA MILITAR CORONEL MILTON FREIRE DE ANDRADE: Tenente Coronel PM João Sérgio de Oliveira Fagundes
  • 2ª SEÇÃO/EMG: Tenente Coronel PM Raimundo Florêncio da Silva Júnior
  • 3ª SEÇÃO/EMG: Tenente Coronel PM Carlos André Correia Lima Moreno
  • 4ª SEÇÃO/EMG: Tenente Coronel PM João Carlos Assunção Pereira de Oliveira
  • CHEFIA DE GABINETE DO COMANDO GERAL: Tenente Coronel PM Ezaú Macedo de Medeiror

Tribuna do Norte

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 19:48h

Mulher mata o próprio pai com veneno para carrapato em leito de hospital em Natal, diz polícia

Uma mulher matou o próprio pai, aplicando veneno para carrapato na veia dele. O homem estava internado no Hospital Giselda Trigueiro, na Zona Oeste de Natal. A informação foi confirmada pela Polícia Militar. De acordo com o sargento José Oliveira, do 9º Batalhão da PM, ela alegou que o pai estava muito doente e tomou a decisão de matá-lo para “evitar mais sofrimento”. O homem tinha AIDS e estava internado por complicações da doença.

A mulher foi visitar o pai durante a tarde desta terça-feira (15) na unidade hospitalar, que é referência em infectologia no Rio Grande do Norte. O homem estava internado na UTI. Ainda segundo o sargento José Oliveira, a filha levou uma seringa com o veneno de carrapato e injetou a substância no soro do pai.

O homem morreu em seguida e ela ficou no hospital. Quando os médicos perceberam o que havia acontecido, acionaram a polícia. A mulher foi presa levada para a Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoas (DHPP) para prestar depoimento.

Aos policiais civis, a mulher disse que tomou a decisão de matar o pai para acabar com o sofrimento dele, contudo o homem não a teria pedido que fizesse isso. “Ela disse que sentia o pai sofrendo e, em um ato de desespero, resolveu fazer isso”, afirma o delegado Roberto Andrade, que conduziu os trabalhos na cena do crime.

A mulher contou em depoimento que comprou o produto em uma loja de rações e depois foi comprar a seringa. “Ela disse que, no momento em que foi comprar a seringa, ainda pensou em desistir. Mas tromou coragem e foi até o hospital”, complementa o delegado.

Quando entrou na UTI, a mulher aproveitou que estava a sós com o pai, com a cortina que separa os leitos fechada, para aplicar o veneno de carrapato no soro. “Os médicos notaram um cheiro da substância, que não era comum ao ambiente. Depois viram a coloração do recipiente do soro mudar e encontraram a seringa no lixo. Logo depois acionaram a polícia”, afirma o delegado Roberto Andrade.

A mulher informou que já teve depressão e que até hoje toma remédios em decorrência da doença. O delegado Roberto Andrade diz que ela vai responder na Justiça por homicídio qualificado.

G1/RN

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 19:45h

Homem é encontrado morto, nu e com as mãos amarradas na beira da praia em São Miguel do Gostoso

Um homem foi encontrado morto, sem as roupas e com as mãos amarradas na beira da praia, em São Miguel do Gostoso, no litoral Norte potiguar. De acordo com a Polícia Militar, o corpo foi encontrado por volta das 8h30 desta terça-feira (15).

O cadáver estava na Praia de Tourinho, uma das mais turísticas da cidade. Os documentos do homem também não foram encontrados, o que impossibilitou que ele fosse identificado. O Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) foi acionado para recolher o corpo.

G1/RN

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 19:41h

Médico preso em Currais Novos é transferido para Penitenciária do Seridó

O médico Douglas de Farias, preso no último domingo em um plantão do Hospital Regional de Currais Novos usando CRM de outro profissional, foi transferido nesta manhã, 14 de janeiro, da Delegacia de Polícia Civil de Caicó para a Penitenciária do Seridó.

Em meio à prisão do profissional, há suspeitas de que o mesmo esteja com sua CRM submetida à restrição de Conselho de Medicina. A Polícia Civil descobriu inúmeras facetas criminosas do investigado desde 2009, quando foi preso em Natal pela Polícia Federal.

JAIR SAMPAIO

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 14:35h

Bolsonaro assina decreto que facilita posse de arma

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) assinou na manhã de terça-feira (15) o decreto que flexibiliza a posse de armas no Brasil. A expectativa é de que a medida seja publicada ainda em edição extra do “Diário Oficial da União” desta terça, com efeito imediato.

A assinatura foi feita em um evento no Palácio do Planalto que contou com a presença de ministros e de integrantes da bancada da bala.

“Como o povo soberanamente decidiu por ocasião do referendo de 2005 para lhes garantir esse legítimo direito a defesa, eu como presidente usarei essa arma (disse em referência à caneta que usou)”, disse Bolsonaro no momento da assinatura.

A flexibilização do porte de armas é uma promessa de campanha de Bolsonaro. Poucos dias antes de assumir a presidência, ele usou as redes sociais para informar que usaria um decreto para modificar as regras.

Entre os pontos previstos que o texto deveria alterar estão o período exigido para renovação da posse e a discricionariedade. A ideia era ampliar de 5 para 10 a validade e retirar a exigência de autorização feita por um delegado da Polícia Federal. A posse de armas atualmente no Brasil é regulamentada pela lei federal 10.826, de 2003, conhecida como o Estatuto do Desarmamento. De acordo com ela, são necessárias algumas condições para que um cidadão tenha uma arma em casa, como ser maior de 25 anos, ter ocupação lícita e residência certa, não ter sido condenado ou responder a inquérito ou processo criminal, comprovar a capacidade técnica e psicológica para o uso do equipamento e declarar a efetiva necessidade da arma.

Hoje a declaração de necessidade é feita pela Polícia Federal, que pode recusar o registro se entender que não há motivos de posse para o solicitante. Segundo especialistas, uma pessoa que mora em um local ermo, afastado de delegacias e batalhões de polícia, ou alguém ameaçado, por exemplo, tem mais chances de conseguir a autorização. O rigor com a comprovação da necessidade também pode variar de acordo com o estado e a cultura local.

Caçadores, colecionadores e atiradores desportivos também podem ter a posse de armas, mas o registro é realizado pelo Exército e segue critérios específicos para cada categoria. Para atiradores, por exemplo, é preciso comprovar a participação em clubes de tiro e competições.

A posse, de acordo com a lei, significa que o proprietário pode manter a arma apenas no interior da sua casa ou no seu local de trabalho, desde que seja o responsável legal pelo estabelecimento.

No Estatuto do Desarmamento, estava prevista a realização de um referendo, em 2005, para que a população respondesse à seguinte pergunta: “O comércio de armas de fogo e munição deve ser proibido no Brasil?”. Com 63,94% dos votos válidos, o “não” ganhou. Com isso, o comércio permaneceu legal no país.

PORTE

Já o porte é proibido para os cidadãos brasileiros, exceto para membros de Forças Armadas, polícias, guardas, agentes penitenciários e empresas de segurança privada, entre outros. É preciso demonstrar a necessidade do porte por exercício de atividade profissional de risco.

Quando uma pessoa tem o registro de porte ela está autorizada a transportar e carregar a arma consigo, fora de casa ou do local de trabalho. É proibido para os cidadãos brasileiros, exceto para membros das Forças Armadas, polícias, guardas, agentes penitenciários, empresas de segurança privada, entre outros. É preciso demonstrar a necessidade do porte por exercício de atividade profissional de risco ou de ameaça à sua integridade física.

O porte é vinculado ao registro da arma. Isso significa que uma pessoa com porte não pode andar com qualquer arma, mas com aquela para qual obteve a autorização. Também pode ser temporário e restrito a determinado território. O decreto presidencial que regula o Estatuto do Desarmamento diz que “o titular de porte de arma de fogo para defesa pessoal […] não poderá conduzi-la ostensivamente ou com ela adentrar ou permanecer em locais públicos, tais como igrejas, escolas, estádios desportivos, clubes, agências bancárias ou outros locais onde haja aglomeração de pessoas em virtude de eventos de qualquer natureza”. Isso, contudo, é estabelecido por decreto, e pode ser mudado pelo presidente sem necessidade de autorização do Congresso.Segundo o estatuto, o porte é revogado caso o portador seja detido ou abordado “em estado de embriaguez ou sob efeito de substâncias químicas ou alucinógenas”.

COMÉRCIO E REGRAS

Apesar dos limites atuais, cerca de seis armas são vendidas por hora no mercado civil nacional, segundo dados do Exército obtidos via lei de acesso à informação pelo Instituto Sou da Paz. Neste ano, até 22 de agosto, haviam sido vendidas 34.731 armas no total.

Além das vendas recentes, o número de novas licenças para pessoas físicas, concedidas pela Polícia Federal, tem crescido consistentemente nos últimos anos. Passou de 3.029, em 2004, para 33.031, em 2017. O número de novos registros para colecionadores, caçadores e atiradores desportivos, dados pelo Exército, também subiu. Em 2012, foram 27.549 e, em 2017, 57.886. No total, hoje, são mais de meio milhão de armas nas mãos de civis: 619.604.

COMO É A REGULAÇÃO DE ARMAS EM OUTROS PAÍSES?

Os especialistas contrários à liberação do porte de armas dizem que a tendência atual é de restrição e é raro encontrar um exemplo de um país que esteja afrouxando leis. Abaixo, veja o que é preciso fazer para obter uma arma em oito países.

– Austrália: Tem leis muito restritivas, e a posse é liberada apenas em casos excepcionais (geralmente para caçadores, colecionadores ou fazendeiros em áreas isoladas). Para ter a licença é preciso passar por cursos de cuidados no manuseio, teste escrito e teste prático. Além da avaliação dos antecedentes criminais, há casos em que a polícia entrevista familiares e vizinhos. A legislação mais dura foi aprovada no fim dos anos 1990, pouco depois de um massacre que matou 35 pessoas e feriu 23 em Port Arthur, em 1996. Depois da lei, cerca de 650 mil armas foram confiscadas.

– Alemanha: Para conseguir uma licença, é preciso comprovar que a pessoa corre risco, demonstrar que é colecionadora ou fazer parte de clube de tiro. O candidato passa por avaliação que leva em conta antecedentes criminais, saúde mental e uso de drogas. Caso seja concedida, a permissão é revisada a cada três anos. Para manter a arma em casa, é preciso permitir inspeções não anunciadas da polícia, que verifica se o armamento está guardado em local seguro.

– África do Sul: É muito difícil obter uma arma legalmente. O processo é lento e inclui aulas de tiro, entrevistas com familiares, checagem de histórico criminal e de uso de drogas e inspeção no local onde a arma será guardada -tudo isso antes que a compra seja autorizada. Nas cinco maiores cidades do país, os homicídios caíram 13,6% ao ano nos cinco anos posteriores à aprovação da legislação atual, o que aconteceu nos início do anos 2000.

– China: Em geral, os chineses que moram em cidades são proibidos de ter armas em casa -elas precisam ser guardadas em depósitos especiais. Para obter a permissão para comprá-las, é necessário apresentar uma justificativa e demonstrar conhecimento sobre uso seguro e manuseio. Também há avaliação do histórico policial e da saúde mental da pessoa.

– Estados Unidos: É o país com maior taxa de armas por habitante do mundo. Para ter uma arma, basta passar por uma checagem instantânea de antecedentes criminais, mas isso não é necessário se a compra for realizada com um vendedor privado, em vez de em uma loja -cerca de um terço dos compradores não passou pela checagem, segundo estudo de Harvard. Em alguns estados há maiores restrições, mas em geral elas incluem apenas mais tempo de espera pela liberação da compra ou checagem mais aprofundada do histórico do comprador. Há mais de 50 mil lojas de armas no país.

– Japão: Tem das leis mais rígidas do mundo. O longo processo para obter a permissão para comprar uma arma envolve aulas de tiro (que também precisam ser autorizadas), teste escrito, teste prático, avaliação psicológica e psiquiátrica, entrevista com a polícia para explicar por que a arma é necessária, avaliação rigorosa de histórico criminal e de relações pessoais (também é avaliado se a pessoa tem dívidas) e inspeção policial do local onde a arma será armazenada.

– México: Há apenas uma loja de armas em todo o país e ela fica na capital, Cidade do México. Para obter a permissão do governo, é preciso atestado que comprove que a pessoa não tem antecedentes criminais. Também é necessário ter emprego fixo e renda.

– Reino Unido: A posse só é permitida para caçadores ou membros de clubes de tiro. Quem requer a permissão precisa passar por checagem de antecedentes criminais e entrevista domiciliar com a polícia, que verifica o local onde a arma será guardada

– Rússia: É preciso ter autorização para caça ou justificar a necessidade da arma para defesa pessoal. O requerente passa por testes relativos ao manuseio do armamento, primeiros socorros e legislação, além de avaliação psicológica e de antecedentes criminais.

Com informações da Folhapress

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 14:29h

Ameaçado de extinção, tubarão-lixa é capturado na praia dos Artistas em Natal

Um tubarão-lixa (Ginglymostoma cirratum) foi capturado por pecadores na manhã desta terça-feira (15) na Praia dos Artistas, em Natal. O animal está na lista das espécies ameaçadas de extinção. Um agente de turismo que passava pelo local filmou o momento em que dois homens, em uma moto, levavam o bicho embora. No vídeo, dá pra ver que o tubarão ainda estava vivo.

Segundo o biólogo Douglas Brandão, no Aquário Natal, o tubarão-lixa não é uma espécie agressiva. “Há registros, mas muito raros, de ataques a mergulhadores. Já para banhistas, é muito difícil. Atacam mergulhadores porque eles vão lá e puxam o animal, e ele pode virar e morder. Geralmente esse tipo de animal é dócil”, disse ele.

No Aquário Natal, o visitante tem a oportunidade de passar a mão e até de mergulhar em um tanque com tubarões da espécie lixa.

Ainda de acordo com Douglas Brandão, o tubarão-lixa pode medir até 4 metros de comprimento e atingir 500 quilos. Já foi comum em toda a costa brasileira, mas atualmente, já em extinção, é mais encontrado no litoral nordestino.

A captura de espécies ameaçadas de extinção é proibida pela lei 9605/98. O infrator fica sujeito a uma pena de seis meses a um ano de detenção, além de multa de R$ 5 mil.

G1/RN

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 14:14h

COVARDIA! IDOSAS DE 88 E 79 ANOS SÃO AGREDIDAS DURANTE ASSALTO NA MADRUGADA DESTA TERÇA-FEIRA EM JARDIM DO SERIDÓ

Duas idosas de Jardim do Seridó passaram momentos de terror nesta madrugada de terça-feira, (15), em pleno centro da cidade, ao terem a residência invadida por dois bandidos armados, que destelharam parte da cozinha da casa, entraram e praticaram o assalto com muita violência.

Muito abalada e com o rosto cheio de hematomas, uma das idosas disse à reportagem do ‘Blog Barra Pesada’, que os ladrões estavam com os rostos descobertos, e que foram muito violentos, e que a todo momentos faziam ameaças de morte, caso elas gritassem.

Ainda segundo relato da idosa de 88 anos, sua irmã, de 79 anos, também foi agredida, e por pouco não foi enforcada com um lençol pelos bandidos. A idosa de 79 anos está medicada e me observação no hospital local.

Após a grande covardia, os bandidos pediram a chave da casa, e saíram pela porta da frente da residência em uma moto, levando joias e o todo o dinheiro de suas aposentadorias que as idosas tinham em casa.

Vale salientar que, não restam dúvidas de que o crime foi praticado com informações (fita dada), pois as idosas moram com uma filha de uma delas, e que está em viagem de férias.

Do Blog: Com certeza absoluta, isso foi “fita dada”, pois os bandidos sabiam de tudo.

PAULINHO BARRA PESADA

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 14:08h

Em desdobramento da operação Caviloso, PF cumpre mandados de busca e apreensão em Natal

Policiais federais cumpriram mandados de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (15) no escritório de uma empresa que fica localizado na Arena das Dunas, em Natal. Segundo a PF, a operação faz parte de um desdobramento da Operação Caviloso, realizada em dezembro do ano passado, e que investiga crimes financeiros por parte de um empreendimento em Ceará-Mirim, na Grande Natal.

Segundo as investigações, o empreendimento teve algumas de suas unidades vendidas no exterior, sem a consequente internalização dos recursos no Brasil, fato que poderia importar crime de evasão de divisas.

Além disso, foi noticiado que as aquisições das unidades imobiliárias seriam, na verdade, investimento com percentual de retorno garantido, consistindo em captação de recursos, atividade típica de instituição financeira para a qual não existia autorização.

O nome da operação faz alusão àquele que emprega cavilação, isto é, ‘proposta traiçoeira

G1/RN

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 14:03h

Em transmissão de cargo no Bope, Witzel faz flexão e ganha quadro com seu rosto feito de projéteis

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, participou na tarde desta segunda-feira (14) da cerimônia de troca de comando do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope).

No final do evento, o governador trocou o terno pelo uniforme do batalhão e fez flexões junto com policiais e políticos. Ele também ganhou de presente um quadro com seu rosto feito de projéteis.

Durante o discurso, Witzel voltou a falar sobre o ‘abate’ de criminosos armados que, segundo ele, banalizam a vida humana.

“Os senhores e senhoras são a mão armada da Justiça do estado democrático de direito. São a mão da Justiça, a mão pesada da Justiça para primeiro encontrar os olhos do inimigo e dele fazer a sua prisão e, se preciso for, diante da crueldade dos inimigos que são verdadeiros narcoterroristas, usar da força necessária para abatê-los porque usar arma de fogo contra a sociedade nós não admitiremos jamais”, disse.

G1/RJ

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:35h

PM prende três homens e apreende carros clonados e 111 kg de drogas em Recife

Três homens foram presos e uma adolescente apreendida por suspeita de envolvimento com tráfico de drogas, roubos e clonagem de carros em cidades do Grande Recife. Segunda a Polícia Militar, um dos suspeitos era cadastrado como motorista em um aplicativo de transporte de passageiros com um veículo Onix de cor branca, que havia sido roubado e clonado.

A prisão ocorreu no domingo (13), em São Lourenço da Mata e em Jaboatão dos Guararapes, mas os detalhes só foram divulgados nesta segunda-feira (14). Com os suspeitos também foram apreendidos 111 quilos de maconha, 173 gramas de cocaína, cinco balanças de precisão, quatro inibidores de sinal de GPS, dois celulares, dois carros clonados e documentos de veículos.

Segundo a Polícia Militar, a operação teve início no bairro de Sucupira, em Jaboatão dos Guararapes, quando uma equipe do 25º Batalhão localizou um veículo modelo Onix, suspeito de ter sido utilizado em um homicídio no dia 26 de dezembro. O alerta sobre o veículo havia sido emitido pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa, no dia 6 de janeiro.

“O delegado passou a placa. A equipe, então, cruzou com esse veículo, que estava estacionado. Eles aguardaram a chegada do motorista e, assim que o motorista chegou, fizeram a abordagem”, conta o tenente coronel Alano Araújo, comandante do 25º BPM.

O motorista em questão, preso em flagrante, foi identificado como Felipe Matias Velozo, de 25 anos. De acordo com a polícia ele é apontado, ainda, como participante do homicídio cometido com o veículo. Com ele foram apreendidos um veículo roubado e clonado, 173 gramas de cocaína, quatro inibidores de sinais de GPS e cinco documentos de veículos.

“Ele confessou, disse que participou apenas dirigindo o veículo, junto com outros três meliantes”, afirma o comandante, acrescentando que ele usava o veículo para transporte de passageiros através de aplicativos.

Aos policiais, Felipe contou, ainda, que iria realizar o transporte de 40 quilos de maconha até São Lourenço da Mata. Indo até o local onde a droga seria pega, na casa de José Vital da Silva, de 52 anos, os policiais encontraram 107 quilos de maconha prensada e três balanças de precisão.

O proprietário da casa foi preso e uma menor apreendida. “A polícia se deslocou até o local de São Lourenço onde essa droga seria entregue. Lá também foram encontrados quatro quilos de maconha, duas balanças de precisão e mais um carro roubado e clonado, um Uno”, detalha o comandante.

Também foi preso um homem, identificado como Janiellyson Jurandir dos Santos Silva, de 27 anos. Segundo a polícia, ele já tem passagem por tráfico de drogas.

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:30h

Ex-policial militar é preso com R$ 10 mil em notas falsas em João Pessoa

Um homem de 52 anos, que já tinha sido preso ao tentar se passar por um policial militar em 2016, foi preso na tarde desta segunda-feira (14) no bairro de Ernani Sátiro, em João Pessoa, com cerca de R$ 10 mil em notas falsas. Cícero Avelino dos Santos foi preso com as notas de R$ 100 em uma casa.

De acordo com o delegado responsável pela operação, Joanes Oliveira, a Polícia Civil chegou até o suspeito após informações repassadas ao Grupo de Operações Especiais (GOE), que realizou buscas e prendeu o suspeito em flagrante na casa em que morava nesta segunda.

Joanes Oliveira explicou que o objetivo do suspeito era repassar essa grande quantia de notas falsificadas em festas que acontecem na Grande João Pessoa, assim como no período de Carnaval deste ano. As notas apreendidas com o suspeitos vão ser examinadas para determinar se são realmente falsas.

“É imperceptível determinar a procedência das notas, por isso vamos encaminhar para o Instituto de Polícia Científica [IPC], para que sejam todas periciadas”, explicou o delegado.

Ainda segundo a Polícia Civil, Cícero Avelino dos Santos é ex-policial militar, tendo sido expulso da corporação há muitos anos. O suspeito inclusive responde a outros processo por estelionato e apropriação indébita. “Ele foi preso há cerca de quatro meses portando notas falsas, mas foi liberado e voltou a cometer o mesmo crime”, explicou Joanes Oliveira.

O suspeito informou à polícia que só vai se pronunciar na Justiça. Ele vai ser encaminhado para um presídio de João Pessoa. A Polícia Civil investiga a participação de outras pessoas, principalmente o suspeito de confeccionar as notas falsas adquiridas por Cícero Avelino. O suspeito deve responder pelo crime de adquirir moeda falsa, com pena que pode chegar de 3 a 12 anos de prisão.

G1/PB

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:22h

Sindsaúde-RN realiza campanha de arrecadação de alimentos para servidores que estão passando por dificuldades financeiras por atraso dos salários

O Sindsaúde inciou nesta segunda-feira (14) uma campanha de arrecadação de alimentos para os servidores e servidoras da saúde que estão passando por dificuldades financeiras, devido ao atraso dos salários.

Como é de conhecimento público, os servidores estaduais vem há quase 3 anos com atrasos de salários. Toda esta situação tem levado os servidores a uma piora significativa das suas condições de vida, inclusive com dificuldades de alimentar a si e as suas famílias.

“Estou devendo mais 200 reais na mercearia perto da minha casa, minhas irmãs é quem estão me dando um prato de comida. Se abrir a geladeira da minha casa vocês vão ver que não vai ter nada”, relata aposentada da saúde, Juraci Pereira.

A situação dos aposentados e pensionistas que recebem acima de R$ 5 mil é a mais dramática, pois estão com o 13º de 2017, novembro, dezembro e 13º de 2018 atrasados. Já os servidores da ativa estão com a folha de dezembro e 13º de 2018 em atraso.

Na última negociação com o Governo, ficou acertado o pagamento dos salários de janeiro em 30% no dia 11 e 70% para quem recebe até R$ 3 mil no dia 16. Porém, grande parcela dos servidores não terá acesso ao seu salário porque fizeram antecipação do 13º no Banco do Brasil com vencimento para o dia 15/01. Ou seja, o dinheiro vai entrar na conta, mas automaticamente será descontado.

Diante desta situação, o Sindsaúde-RN está realizando uma campanha de arrecadação de alimentos para os servidores da saúde. O Sindicato enviou a solicitação de doações de cestas básicas à diversas entidades sindicais, à OAB e à Arquidiocese de Natal. A sociedade em geral também pode participar da campanha. As doações podem ser entregues na sede do Sindsaúde-RN, na Av. Rio Branco, 874, Cidade Alta, Natal/RN.

JAIR SAMPAIO

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:18h

Rio: Bala perdida em “troca de tiros” mata filho de casal paraibano, natural de Várzea

O jovem Felipe de Lima Feitoza, de 19 anos, de familiares da cidade de Várzea, no Agreste do Rio Grande do Norte,  foi morto na frente da casa da namorada, que ficou ferida, em meio à troca de tiros entre bandidos e PMs na Rua Laurindo Lima, em Cavalcanti, Zona Norte do Rio de Janeiro.
Sua mãe, Terezinha de Lima,  é natura de Várzea, no RN, e seu pai, Fortunato Feitoza, nascido no Conde, na Paraíba. Felipe era filho único, a família já moram a mais 35 anos na cidade do Rio de Janeiro. Felipe é sobrinho de José Adailton de Lima, servidor da Prefeitura de Várzea.
Assim como em outras vezes, já estava programado para uma viagem à Várzea, no RN, no mês de julho deste ano, Felipe junto a sua mãe, seu pai e sua namorada.

O caso aconteceu por volta das 02h30 da manhã deste domingo. Felipe de Lima Feitoza foi atingido no peito. A bala atravessou pela axila dele e pegou a coxa em Isabele dos Anjos Nascimento Bastos, de 31 anos. Os dois foram levados para o Hospital municipal Salgado Filho, no Méier, também na Zona Norte da cidade. Ele não sobreviveu aos feridos. Ela foi atendida e liberada com o projétil alojado na perna

 – O carro da PM desceu a Rua Zeferino, parou na esquina da minha rua, onde a gente estava sentado, e começou a atirar. Os bandidos estavam do outro lado, no fim da rua. Os tiros estavam tão perto que não podíamos nos abrigar, só deitar no chão. Quando parou, eu fiquei ali com o Felipe fazendo respiração boca a boca. Aí começamos a gritar que um morador havia sido atingido. Conseguimos arrastar ele para dentro da minha casa e colocá-lo no carro. Meu pai saiu com o carro balançando um pano branco em sinal de paz. Mas o Felipe só agonizava — conta Isabele: — Nós estávamos há seis meses juntos. Ele tinha muito bom humor, não parava de brincar um minuto. Ele levou a alegria com ele. Meu coração tá ardendo. Não sei o que fazer sem ele aqui.
A Polícia Militar informou que, segundo informações do 3°BPM (Méier), policiais militares em patrulhamento na rua Laurindo, no bairro Cavalcanti, foram atacados a tiros por criminosos armados. “Houve confronto. A viatura foi atingida, mas os policiais não se feriram. Os criminosos fugiram. Logo após, equipes do 3°BPM foram informadas que duas pessoas baleadas deram entrada no Hospital Municipal Salgado Filho”, informou a corporação, em nota.
Isabele e Felipe costumavam ficar na porta de casa por conta do calor. Além deles, estavam mais quatro pessoas, que não foram atingidas. Não se sabe de onde partiu o tiro que matou o rapaz. A jovem dele acredita que saiu da arma dos policiais.
— Tudo indica que a bala tenha vindo dos policiais porque nos feriu pela esquerda, na direção que estava o carro deles — lembra a mulher.
Felipe estava começando a vida. Tinha acabado de se formar no ensino médio e tirado a carteira. Ganhou um carro do pai e estava ansioso para uma entrevista de emprego que faria na próxima terça-feira. A vaga era de Jovem Aprendiz num mercado.
— Ele morava com os pais, mas ficava muito aqui comigo. Eu tinha entrado pra tomar banho e ia dormir. Fui lá fora chamá-lo. Mas não deu tempo — conta a jovem, chorando.
A família ainda não sabe quando o rapaz será enterrado. A Polícia Civil investiga o caso através da 44ª DP (Inhaúma).
Fonte: O GLOBO
Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:15h

Bandidos incendeiam ônibus na 13ª noite seguida de ataques no Ceará

Bandidos voltaram a cometer ataques criminosos nesta segunda-feira (14) no Ceará, 13ª noite seguida da onda de violência que atinge o estado desde o dia 2 de janeiro. Suspeitos incendiaram um ônibus na cidade de Guaiúba, Região Metropolitana de Fortaleza, durante a noite. Além disso, outros suspeitos tentaram instalar uma bomba em um túnel na capital, mas a polícia impediu o ataque. Não houve feridos nestas ações.

Desde o dia 2 de janeiro, ocorreram 204 ataques criminosos em pelo menos 46 cidades. A série de atentados começou em Fortaleza, foi para a Região Metropolitana e se espalhou pelo interior. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública, 360 pessoas foram capturadas por envolvimento nos crimes.

O Ministério da Justiça confirmou que enviará um reforço de 355 agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para o estado. De acordo com a PRF, os policiais devem chegar ao estado nesta terça-feira (15) para atuar, principalmente, para evitar novas ações criminosas contra viadutos, torres de transmissão de energia e rodovias. O governo do estado também comunicou que convocará 1,2 mil policiais militares da reserva para reforçar o combate aos ataques.

O ônibus foi incendiado pelos criminosos durante a noite desta segunda-feira em uma estrada no distrito de São Jerônimo, em Guaiúba. De acordo com a Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros foi acionado para o local e apagou o incêndio. O veículo ficou destruído. Ninguém ficou ferido.

A polícia impediu o ataque contra um túnel no Bairro Parangaba, na capital. Segundo a Polícia Militar, um casal estava no túnel utilizando uma furadeira para perfurar uma das colunas do equipamento. A polícia suspeita que o casal iria instalar explosivos no equipamento. Eles fugiram ao perceber a presença policial.

Entenda o que está acontecendo no Ceará

  • O governo criou a secretaria de Administração Penitenciária e iniciou uma série de ações para combater o crime dentro dos presídios.
  • O novo secretário, Mauro Albuquerque, coordenou a apreensão de celulares, drogas e armas em celas. Também disse que não reconhecia facções e que o estado iria parar de dividir presos conforme a filiação a grupos criminosos.
  • Criminosos começaram a atacar ônibus e prédios públicos e privados. As ações começaram na Região Metropolitana e se espalharam pelo interior.
  • O governo pediu apoio da Força Nacional. O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, autorizou o envio de tropas; 406 agentes da Força Nacional reforçam a segurança no estado.
  • A população de Fortaleza e da Região Metropolitana sofre com interrupções no transporte público, com a falta de coleta de lixo e com o fechamento do comércio.
  • A onda de violência afastou turistas e fez a ocupação hoteleira no estado cair.
  • 35 membros de facções criminosas foram transferidos do Ceará para presídios federais desde o início dos ataques, segundo o último balanço do Ministério da Justiça.
  • G1/CE
Postado em 15 de janeiro de 2019 - 9:10h

SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO EM ASSASSINATO DE PM EM MOSSORÓ É PRESO NO BAIRRO OURO NEGRO

A Delegacia de Rurtos e Roubos, com apoio da Força Nacional e da PM prenderam no final da tarde de segunda feira, 14 de janeiro, no bairro Ouro Negro, um dos principais suspeitos de envolvimento no assassinato do Sgt da reserva da PM Luiz Valdécio Faustino, morto em via pública com vários, no dia 23 de março do ano passado no Bairro Boa Vista em Mossoró.

Dewene dos Santos o “Caraúbas de 18 anos de idade, ao avistar as viaturas policiais que estavam em operação naquele bairro, tentou fugir. Na casa onde ele estava, os policiais encontraram droga e celulares. Depois de várias buscas na região finalmente o suspeito foi capturado. Ele estava escondido dentro do escritório de uma estabelecimento comercial no bairro.

Caraúbas foi encaminhado à sede da Defur para procedimentos. Segundo informações do Dr. André Albuqueque delegado da especializada, havia um mandado judicial contra  ele oriundo da juustiça da comarca de Parnamirm, uma vez que o mesmo era foragido do CIAD daquela cidade.

A investigação da Delegacia de Homicídios de Mossoró apontou Caraúbas, como principal suspeito de ser o autor dos disparos que mataram o sargento PM Valdécio. Na época menor de idade, ele chegou a ser apreendido pela DHPP e conduzido ao CIAD. Por medidas de segurança o mesmo foi transferido para a comarca de Parnamirim e fugiu do Ciad daquela cidade.

Após os procedimentos na Delegacia de Furtos e Roubos, onde foi autuado por posse de droga, Caraúbas foi conduzido ao ITEP para ser submetido a exames de corpo de delito e depois, mesmo sendo maior de idade ele foi encaminhado ao CIAD de Mossoró, onde ficará a disposição da justiça.

FIM DA LINHA

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 8:59h

Dois indivíduos são baleados e presos após confronto com a PM na região de Tibau RN. Um mulher também foi presa durante a ação policial

Policiais da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam), com apoio da VTR Tibau, do 2º DPRE e da Polícia Ambiental, prenderam no início da noite desta segunda feira, 14 de janeiro de 2019, dois homens e uma mulher, identificados como, Jacksson Bezerra de Sousa lima de 28 anos de idade, Naedson Carapinta Vieira de 19 anos de idade e Andreza Micaely da Silva de 28 anos de idade.que estavam armados, com carro roubado e tentaram furar um bloqueio policial. Houve perseguição e troca de tiros e o resultado foi dois baleados e presos.

A ocorrência teve início por volta das 19h00min quando a VTR da polícia militar da cidade de Tibau composta pelos cabos Lima e Wellington receberam a informação via CIOSP dando conta de que um carro tipo Onix de cor branca havia sido roubado em Mossoró e que os acusados estavam se dirigindo a cidade de Tibau.

A partir das informações do CIOSPE as equipes policiais deram início as diligências no sentido de interceptar o veículo e prender os suspeitos. Cerca de 7 km distantes de Tibau, os policiais se deparararam com o veículo roubado, foi quando teve início uma perseguição.

Houve troca de tiros que culminou  com dois dos três elementos alvejados. Os acusados foram socorridos pelos policiais e levados até o hospital Municipal de Tibau onde receberam os primeiros cuidados e depois foram conduzidos ao Hospistal Tarcísio Maia em Mossoró. Após receberem alta hospitalar os mesmos serão encaminhados à Delegacia de Plantão da Polícia Civil em Mossoró, para os procedimentos.

FIM DA LINHA

Postado em 15 de janeiro de 2019 - 1:07h

Empréstimos consignados devem ser retomados ainda em janeiro

Os servidores públicos do governo do Rio Grande do Norte deverão ter novamente acesso à contratação de empréstimos consignados no fim de janeiro. Esta categoria de empréstimo estava suspensa por falta de repasses do governo estadual. A gestão anterior deixou um passivo de aproximadamente R$ 120 milhões.

Os empréstimos consignados são aqueles que podem ser contratados com a contrapartida de que as prestações serão sacadas diretamente no salário do cliente. No caso do governo, os valores são no ato do pagamento e repassados ao Banco do Brasil (BB).

Por mês, o governo do estado repassa R$ 45 milhões para todos os bancos que operam empréstimos do tipo. O passivo referente aos consignados será discutido com o BB quando o governo for negociar com a instituição o gerenciamento da operação da folha salarial do funcionalismo.

Governos e prefeituras negociam com instituições bancárias esse gerenciamento. O banco ganha porque, de uma só vez, conquista muitos clientes. Os governos ganham valores e outros benefícios financeiros.

Os empréstimos estavam suspensos pelo menos desde o início de dezembro, quando a falta de repasses do governo para o banco já acumulava R$ 86 milhões. De acordo com o secretário de Planejamento e Finanças do RN, Aldemir Freire, a proposta é que “a retomada seja feita logo após ser repassado o valor de janeiro”.

Ele explicou que essa retomada dos consignados foi negociada com o Banco do Brasil durante reunião que aconteceu semana passada, em Brasília, com o gerente executivo, Emmanoel Rondon, e o superintendente executivo, Euler Mathias.

Proposta para antecipação de royalties deve ser apresentada esta semana

Esta semana a instituição deve apresentar uma proposta relativa à antecipação de royalties do petróleo. Esse dinheiro é pago ao estado pela Petrobras como compensação pela exploração de petróleo no Rio Grande do Norte.

O Rio Grande do Norte espera conseguir com esse negócio um total de R$ 160 milhões. De acordo com informações mais recentes disponibilizados pela Agência Nacional de Petróleo (ANP), em 2018, o estado recebeu R$ 186,23 milhões.

Caso esse dinheiro seja obtido, ele só poderá ser usado para pagamento de inativos. Por sua vez, o dinheiro que o estado está desembolsando para pagar aposentadorias ficará livre para ser usado no pagamento de servidores da ativa.

OP9

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 21:31h

DENARC APREENDE MAIS DE 23 QUILOS DE DROGAS EM MOSSORÓ

No final da manhã desta segunda feira 14 janeiro 2019,  agentes da DENARC de Mossoró, (Delegacia de Narcóticos) fizeram à prisão do traficante: Antônio Newton Queiroz da Costa, conhecido como “Araponga” de 47 anos de idade. Araponga já era investigado há cerca de dois meses. Na sua residência, na Rua Professor Antônio Campos,, bairro Costa e Silva, fora encontrados cerca de 18kg de maconha, 05kg de cocaína, uma certa quantidade de crack 12g, uma balanças de precisão, além de algumas munições. O infrator foi autuado por tráfico de entorpecentes e posse ilegal de munições. O mesmo foi apresentado autoridade policial e conduzido para a Cadeia Pública após ser ouvido, para aguardar a decisão da justiça.

PASSANDO NA HORA

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 21:19h

Raio mata homem e cavalo no assentamento Nova Descoberta, divisa entre Assu e Carnaubais

Na tarde desta segunda feira, 14 de janeiro, um homem conhecido por Raimundão estaria montado em seu cavalo quando foi atingido por um raio, tendo morte no local.
Segundo as informações, Raimundão que trabalhava na agricultora teria ido buscar água quando ocorreu o fato no assentamento Nova Descoberta entre Assu e Carnaubais, mais a quem diga que também pertence a Serra do Mel, haja vista que o assentamento se divide entre os municípios acima citado.
Para o local foi acionada a polícia do 10º BPM de Assu que já está no local aguardando os peritos do itep para a remoção do corpo.
FOCOELHO
Postado em 14 de janeiro de 2019 - 21:07h

Secretaria de Segurança do RN anuncia investimentos de quase R$ 80 milhões

Nos próximos meses o Rio Grande do Norte receberá uma série de investimentos na Segurança Pública, através de um convênio firmado com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp). A informação é da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed). De acordo com a pasta, será um total de R$ 79.973.763,73 milhões destinados para diversos setores e órgãos que fazem parte da segurança pública.

“O dinheiro já está empenhado e será depositado assim que fomos assinando os contratos. Os processos de licitação também já foram iniciados”, afirma o secretário de Segurança Pública, coronel Francisco Canindé de Araújo Silva.

Para modernização dos sistemas utilizados no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), setor responsável pelo recebimento e monitoramento de ocorrências, foi destinado R$ 1.928.105,28 milhão. Já para Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) e o Centro de Inteligência da Sesed, o aporte foi, respectivamente, de R$ 5.092.927,38 milhões e R$ 2.877.717,48 milhões. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) vai comprar um novo helicóptero e mais duas viaturas, somando R$ 21.777.286,93 milhões.

O restante dos recursos foi assim destinado:

Polícia Militar

  • Valor: R$ 29.977.330,89 milhões
  • Investimentos: 2 mil coletes balísticos; 179 viaturas; 1.306 armas; 80 escudos balísticos, entre outros equipamentos.

Poícia Civil

  • Valor: R$ 12.209.780,77 milhões
  • Investimentos: 90 armas; 87 viaturas; 10 escudos balísticos; mais investimentos em tecnologia

Corpo de Bombeiros Militar

  • Valor: R$ 6.110.615,00 milhões
  • Investimentos: 16 viaturas
  • G1/RN

 

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 21:02h

Preso de justiça usando tornozeleira eletrônica e comparsa são flagrados pela Guarda Civil com moto roubada em Mossoró

A ocorrência foi registrada por volta da 00h10min da madrugada desta segunda feira, 14 de janeiro, quando a VTR  da Ronda de Proteção Escola (ROPE 05) da Guarda Municipal fazia patrulhamento de rotina na Avenida Presidente Dutra no Alto são Manoel e avistou dois indivíduo trafegando em uma motocicleta de cor preta em atitude suspeita.

A equipe fez um acompanhamento tático e minutos depois conseguiu abordar os suspeitos em frente a caixa econômica da presidente dutra na abordagem e ao fazer a consulta da motocicleta foi constatado que o veículo constava queixa de roubo.
os dois suspeitos identificados como Nick Willyam Filgueira de Sousa, 27 anos que estava pilotando a moto e com tornozeleira eletrônica e Jeferson Ferreira de Sousa, 34 anos estava como garupa.

Os dois foram conduzidos à Delegacia de Plantão da Polícia Civil, juntamente com a moto roubada e apresentados ao delegado plantonista para que a autoridade policial adote as medidas cabíveis. A dupla ficou a disposição da justiça.

Nick William responde processo na justiça por crime de violência doméstica contra a mulher e estava em regime semi aberto monitorado por tornozeleira eletrônica. Já Jeferson Ferreira não tinha passagem pela polícia.

FIM DA LINHA

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 14:49h

Em Natal, acidente de trânsito na Via Costeira deixa dois feridos

Um acidente envolvendo dois carros, um Clio e um Renault Fluence, deixou duas pessoas feridas na Via Costeira, principal corredor hoteleiro de Natal. Os veículos atingiram dois postes, que ficaram parcialmente destruídos. O Clio ainda chegou a pegar fogo, mas as chamas foram logo contidas.

Segundo a PM, a colisão aconteceu próximo ao Wish Natal Resort, no sentido Mãe Luíza-Ponta Negra. O trânsito ficou congestionado logo após a batida. Até as 10h, a pista onde houve o acidente ainda estava interditada.

Dois postes ameaçam cair. Uma equipe da Cosern já trabalha no controle da rede elétrica.

Os motoristas dos dois veículos foram levados para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas sem ferimentos graves.

G1/RN

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 14:44h

Policial Militar morre durante queda de helicóptero no Rio de Janeiro

Um policial militar morreu na queda de um helicóptero da corporação na manhã desta segunda-feira (14) na Baía de Guanabara. O sargento Felipe Marques de Queiroz, 37 anos, ficou 15 minutos preso na cabine submersa e chegou a passar por reanimação a poucos metros do local da queda, mas morreu horas depois.

O acidente foi pouco antes das 9h no Canal do Cunha, na altura da Ilha do Fundão, Zona Norte do Rio. Quatro homens estavam a bordo. Além de Queiroz, dois PMs fraturaram a perna. O quarto não teve ferimentos graves.

Queiroz estava há 14 anos na PM e tinha três filhos.

Socorristas tentam reanimar tripulante — Foto: Reprodução/TV Globo

Resgate

Imagens do Globocop mostraram socorristas fazendo massagem cardíaca em Queiroz.

Vídeos nas redes sociais mostram ainda o momento em que um dos tripulantes, na água, acena para a terra.

Em nota, a Secretaria da PM informou que a Fênix 08 sobrevoava a região reforçando o patrulhamento na Linha Vermelha. “Durante o monitoramento aéreo da via, houve necessidade de fazer um pouso forçado na água”, disse.

A porta-voz da PM, Claudia Morais, confirmou que estavam no helicóptero dois oficiais e dois praças.

O guia de turismo Gustavo Hungria testemunhou a queda. “Estava voando bem baixo, o helicóptero, quando a gente sentiu que estava acontecendo alguma coisa e ele caiu na água logo em seguida. Não deu para escutar nenhum barulho”, conta.

Resgate de um dos tripulantes do Fênix 08 — Foto: Redes sociais

A aeronave

A PM confirmou que o helicóptero acidentado pertence ao Grupamento Aeromóvel (GAM) da corporação.

A aeronave era chamada de Fênix 08. De acordo com o registro na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), trata-se de um helicóptero modelo esquilo AS 350 BA fabricado em 1998 pela Helibras. O peso máximo de decolagem é de 2,1 toneladas, e o veículo voa com um motor turboeixo.

A aeronave pode transportar até cinco passageiros, e o Certificado de Aeronavegabilidade – documento que comprova que uma aeronave está com sua condição verificada – vai até 15 de janeiro de 2022.

“A aeronave Esquilo Modelo AS 350 BA estava com manutenção regularizada. O acidente será apurado pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). O Centro de Criminalística da Polícia Militar também acompanhará a apuração”, emenda a nota.

Das sete aeronaves que a PM tem, apenas três estavam em condições de operação. Com a queda, agora são duas. As outras quatro passam por manutenção, seja periódica ou precisando de peça específica.

Também em nota, o Cenipa informou que já está analisando fragmentos do helicóptero. “A conclusão de qualquer investigação terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade do acidente”, completou.

G1

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 14:38h

Cai helicóptero da PM na Baía de Guanabara, no Rio

Um helicóptero da Polícia Militar do Rio de Janeiro caiu na manhã desta segunda-feira 14 na Baía de Guanabara. A bordo da aeronave estariam quatro pessoas, segundo estimativa da corporação.

Não há, até o momento, informações sobre causas nem sobre o estado de saúde da tripulação. O Corpo de Bombeiros foi acionado e presta neste momento socorro às vítimas. Ao menos uma pessoa está passando por um procedimento de massagem cardíaca.

Mais informações em instantes

VEJA

 

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 9:52h

Governador Camilo Santana sanciona leis de combate a facções criminosas no Ceará

Os detalhes sobre como será executada a Lei da Recompensa ainda serão definidos por decreto de Camilo Santana  — Foto: Carlos Gibaja/Governo do Ceará

O governador do Ceará, Camilo Santana, sancionou na manhã deste domingo (13) as matérias aprovadas no sábado (12) pelos deputados da Assembleia Legislativa. As leis foram publicadas no Diário Oficial do Estado (DOE), e já estão em vigor.

Em rede social, Camilo Santana deu detalhes sobre a sanção, destacando ainda que as leis entram em vigor de imediato. “Todos unidos por um Ceará cada vez mais seguro. A luta contra a violência é de todos nós!”, concluiu o chefe do Executivo.

As leis sancionadas são:

  • Lei da Recompensa, que paga em dinheiro quem denunciar autores de ataques ou fornecer informações que possam prevenir crimes;
  • Retirada das tomadas em celas de presídios, para evitar que criminosos possam usar carregadores de celular;
  • Aumento de 48 para 84 o máximo de horas extras que policiais civis, militares e bombeiros podem fazer por mês;
  • Convocação de policiais da reserva para aumentar o efetivo nas ruas;
  • Criação de um banco de informações sobre veículos destruídos na onda de ataques;
  • Restrição da presença de pessoas no entorno dos presídios, com objetivo de evitar fugas;
  • Criação do Fundo de Segurança Pública, que terá reserva para investir na prevenção de crimes e pagar beneficiados da Lei da Recompensa;
  • Regularização do comando de tropas de policiais militares cedidas por outros estados (o que na prática já está acontecendo com agentes cedidos pelos governos de Bahia, Piauí, Santa Catarina e Pernambuco)
  • As propostas foram aprovadas por unanimidade pelos 36 parlamentares presentes em sessão extraordinária. Pelo menos 12 emendas foram apreciadas pelos deputados, que se reuniram por mais de seis horas para deliberar sobre as matérias.

    O pacote é uma tentaiva de conter a onda de crimes e fortalecer o combate às facções criminosas, que coordenaram uma onda de ataques no estado que já dura 12 dias. A sequência de ataques começou em 2 de janeiro, um dia após Mauro Albuquerque tomar posse do cargo de secretário da Administração Penitenciária, pasta criada no segundo mandato de Camilo Santana.

    Mauro Albuquerque fez operações para apreender celulares nos presídios e prometeu acabar com a divisão de presos conforme a facção criminosa a que pertencem. O governador do Ceará, Camilo Santana, afirmou que “não há recuo”.

    G1/CE

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 9:45h

Caminhão de transporte de GNV com placas de Caraúbas se envolve em acidente na RN-188 em Caicó

A Polícia Rodoviária Estadual (3º DPRE) registrou um acidente, tipo tombamento, na RN-188, trecho compreendido entre a Emparn e o contorno viária de Caicó/Jucurutu, nas primeiras horas do dia de hoje, 14 de janeiro.

O veículo carregado com cilindros (comercial) de GNV era dirigido pelo caraubense Ronaldo Alves dos Santos, bairro Sebastião Maltez. Placas MYN-9411 Caraúbas Mercedez Benz AXOR-25405, cor branca, ano 2007.

O condutor do veículo foi socorrido para o Hospital Regional do Seridó, em Caicó, e teve apenas escoriações leves. O proprietário do caminhão, o senhor L Fernandes, também de Caraúbas, esteve no local do sinistro.

JAIR SAMPAIO

Postado em 14 de janeiro de 2019 - 9:37h