Policia Civil prende suspeitos da morte do motorista de aplicativo assassinado nesta sexta feira em Mossoró

Policiais civis da Delegacia de Homicídios de Mossoró (DHM) com apoio da Delegacia de Narcóticos (DENARC) e da Delegacia de Furtos e Roubos (DEFUR) prenderam na tarde desta sexta feira 17 de abril, um homem e uma mulher suspeitos de envolvimento no homicídio em que vitimou o motorista de aplicativo, Francisco Lenilson da Silva, encontrado morto com perfurações de tiros, na manhã de hoje (17) em uma lagoa no Bairro Paredões em Mossoró.

De acordo com o delegado titular da DHM, Dr. Leonardo Germano, Antônio Gledson da Costa Bezerra Jessica Sabrina Pereira Fernandes, são acusados de participação no crime, embora neguem que mataram o motorista de aplicativo, que foi baleado duas vezes nas costas e ainda sofreu espancamento e morreu tentando fugir dos inimigos.

Ainda de acordo com o delegado, existem fortes indícios da participação dos dois no assassinato, como por exemplo: Eles foram vistos andando com o motorista de aplicativo no seu veículo na madrugada de hoje. O carro da vítima foi encontrado após o crime, estacionado na frente da casa de Jéssica Sabrina, na Rua Anatália de Melo Alves no Bairro Paredões onde ocorreu o assassinato.

Além de Antônio Gledson e Jéssica Sabrina, a equipe da DHM prendeu também outras três mulheres e apreendeu uma adolescente. Segundo o Dr. Leonardo Germano, estavam Com Gledson, Sabrina e outros dois homens já identificados, promovendo uma festa em um motel, regada a drogas ilícitas e bebidas alcóolicas, antes do crime.

Três mulheres foram autuadas em flagrante por crime tipificado no artigo 244-B do ECA, por corrupção de menor. Após pagarem fiança arbitrada pelo delegado, elas foram liberadas, para responder o processo em casa. Já Antônio Gledson e Jéssica Sabrina foram autuados em flagrante pelos crimes de homicídio qualificado (artigo 121§ 2º Inc. 2 e 4 e corrupção de menor.

Após os procedimentos na DHM, o casal foi encaminhado ao ITEP onde se submeteram a exames de corpo de delito e depois conduzidos ao Sistema Prisional, onde ficarão a disposição da justiça. De acordo com o delegado, o crime está praticamente elucidado, mas as investigações serão sequenciadas, para tentar chegar a outros possíveis participantes do assassinato.

FIM DA LINHA

casal

Postado em 18 de abril de 2020 - 10:29h

PRF prende quatro homens com armas, drogas e coletes balísticos na BR 304 no município de Lages no RN

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, na noite desta quinta-feira 16 de abril de 2020,, durante uma fiscalização em conjunto com o Departamento Estadual de Rodagem (DER), na unidade operacional da BR 304, em Lajes no Rio Grande do Norte, quatro homens e apreendeu armas, munições e drogas.

Um equipe da PRF fazia fiscalização a veículos de passageiros, quando abordou um Voyage que seguia com as quatro pessoas. Os policiais desconfiaram do nervosismo dos ocupantes e ordenou que todos desembarcassem do veículo.

Nesse momento foram visualizadas as armas no assoalho do banco traseiro. De imediato foi dada voz de prisão a todos. No interior do carro foram encontrados uma espingarda calibre 12 com sete munições, uma pistola calibre 40 com numeração raspada e dois carregadores, além de 74 munições.

Foram encontrados ainda aproximadamente 50g de cocaína, 80g de maconha, dois coletes balísticos, um deles com o símbolo da Polícia Militar do RN, além da quantia de R$ 2.351,00 em espécie.

No decorrer da fiscalização, foi confirmado que os homens, identrificados como João Paulo Fernandes da Silva Brito 22 anos, natural de Caraúbas RN, Marcosuel Fernandes Belarmino 25 anos, natural de  Patu, Fabrício Leandro da Silva 36 anos anos natural de Natal RN e Ronaldo da Silva, o “Dede do Fogo” este se apresentou com o nome falso de Eriberto Moura de Lima 40 anos, natural de  Riachuelo RN, seguiam da cidade de Campo Grande/RN para Natal, em um veículo de aplicativo.

De acordo com a PRF, o motorista do carro residente em Natal, conhece todos os ocupantes e já responde pelo crime de roubo. A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Plantão da Zona Sul em Natal para os procedimentos cabíveis.

FIM DA LINHA

Postado em 17 de abril de 2020 - 19:54h

Coronavírus: MP recomenda que escolas particulares revisem valores de mensalidades no RN

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) emitiu uma recomendação para que as escolas privadas do Estado revisem os custos e, caso economizem durante o período de suspensão das aulas por causa da pandemia do novo coronavírus, concedam desconto correspondente à economia que a escola tiver. A orientação é direcionada a todas as instituições da rede privada de ensino localizadas em Natal.

A recomendação será publicada na edição desta sexta-feira (17) do Diário Oficial do Estado (DOE).

No Rio Grande do Norte as aulas estão suspensas desde o dia 18 de março. O primeiro decreto tinha validade de 15 dias, mas já foi renovado e agora as aulas estão suspensas até o dia 23 de abril. No entanto, o governo já estuda a ampliação desse prazo.

A recomendação diz que as escolas devem conceder o desconto correspondente à economia que a escola tiver nos custos durante a suspensão das aulas presenciais, como no exemplo da diminuição da conta de energia, água, dentre outros, a serem demonstrados em planilha comparativa, caso não ofereça a reposição integral das aulas presenciais após a pandemia.

O MP recomenda ainda que as escolas encaminhem aos contratantes planilha de custos referente aos meses compreendidos no período de suspensão das aulas, bem como a relativa ao ano letivo de 2020, elaborada, à época, sem a previsão na pandemia de COVID-19.

O MPRN também está recomendando que as instituições de ensino informem aos pais contratantes sobre eventual realização de aulas presenciais em período posterior, com a consequente modificação do calendário de aulas e de férias. Será importante comunicar também se fará a reposição integral das aulas presenciais ou se serão contabilizadas nas horas-aula aquelas não presenciais.

Outras medidas sugeridas pelo MP são:

  • buscar flexibilizar as sanções contratuais para aqueles que não puderem realizar o pagamento das mensalidades praticados no período, bem como fornecer condições de pagamento posterior sem encargos financeiros;
  • envidar todos os esforços no sentido de se evitar a judicialização das situações ocorridas durante a pandemia;
  • abster-se de cobrar eventuais multa de mora e de juros em decorrência do atraso no pagamento das mensalidades pelos consumidores durante o período de isolamento social e seus desdobramentos, quando causado por prejuízos financeiros que não deram causa e em razão da pandemia, devidamente comprovados,
  • observar que a opção do consumidor de rescindir o contrato, caso não concorde com a proposta de revisão contratual, sendo motivada por caso fortuito ou de força maior, ocorrido posteriormente à realização da avença, não pode ser considerada como inadimplemento contratual e, assim, nada podendo ser cobrado a esse título.
  • G1/RN
Postado em 17 de abril de 2020 - 8:40h

Grávida de 07 meses foi morta a tiros na grande Natal

Uma jovem de 18 anos que estava grávida de sete meses foi morta a tiros dentro da própria casa na noite desta quinta-feira (16) no distrito de Mangabeira, que fica no município de Macaíba, na Grande Natal. Luzia Beatriz de Lima Silva e o bebê morreram ainda no local.
O caso aconteceu na rua Geraldo da Silva, na comunidade Manoel Dias. De acordo com o delegado Cidorgeton Pinheiro, da Delegacia de Polícia Civil de Macaíba, o criminoso entrou na casa e efetuou quatro disparos na cabeça e um no ombro da jovem. Os tiros foram de uma arma calibre 38.
Ele explicou que vizinhos chamaram o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) porque o feto se mexeu bastante após Beatriz ter sido baleada. “As pessoas acionaram o Samu com objetivo de salvar a vida do feto”, falou.
De acordo com o delegado, ela morava com a mãe, que é empregada doméstica e só aparecia em casa nos fins de semana.
A Delegacia de Macaíba vai investigar o crime. “Estamos colhendo quem seria o companheiro, as amizades, e o grupo social dela, para sabermos se há envolvimento com o crime. Assim a gente vai poder desenvolver uma investigação de forma mais apurada”, explicou.
G1/RN
Postado em 17 de abril de 2020 - 8:34h

52° Homicidio em Mossoró 2020: Motorista de aplicativo é enconrado morto com marcas tiros no Bairro Paredões

Um motorista de aplicativo, ainda sem identificação foi encontrado morto, na manhã desta sexta feira 17 de abril de 2020 e  com marcas de tiros, as margens de uma lagoa, em uma Rua Por trás da Anatália de Melo Alves, no conhecido Bêco de Salvador no Bairro Paredões em Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte.

Informações da Polícia Militar que atendeu a ocorrência e isolou o local do crime, são que a vítima que era motorista de aplicativo (Xofer) e teria se envolvido em uma ocorrência policial na madrugada de hoje e foi parar na delegacia de plantão da Polícia Civil.

De acordo com o sargento Sidney, sua VTR realizava patrulhamento na região dos Paredões, quando avistou um carro Gol de cor prata trafegando em atitude suspeita, com quatro ocupantes e quando tentou abordá-lo, o motorista evadiu-se em alto velocidade. Houve acompanhamento, mas a guarnição acabou perdendo o carro de vista.

Minutos depois o motorista foi visto nas imediações da escola Abel Coelho no Bairro Nova Betânia, onde foi abordado pela Força Tática, mas o mesmo já estava sozinho. Após ser reconhecido pela guarnição do sargento Sidney, que foi ao local da abordagem, o motorista acabou confessando que teria deixado os outros que estavam no seu veículo em um motel.

As viaturas se dirigiam ao estabelecimento, onde encontraram quatro mulheres e três homens. Todos, incluindo o motorista de aplicativo, foram encaminhados à Delegacia de Plantão da Polícia Civil, onde foram ouvidos e liberados, uma vez que segundo o delegado Paulo Pereira não havia materialidade de crime.

Minutos após o encerramento da ocorrência na Delegacia de Plantão, já por volta das 05h30min a Polícia Militar foi acionada para uma ocorrência de disparos de arma de fogo, na região da Rua Anatália de Melo e depois de buscas, os policiais localizaram o corpo do motorista de aplicativo, que estava as margens da lagoa. O veículo da vítima não foi encontrado até o momento.

O delegado de plantão Dr. Paulo Pereira esteve no local, acompanhando o trabalho da equipe do ITEP e falando à Imprensa, disse que acredita que a morte do motorista de aplicativo esteja relacionada com a ocorrência que foi parar na delegacia, ou seja, o delegado suspeita de que a vítima foi morta porque entregou para a PM os homens que estavam com ele.

FIM DA LINHA

cdcdcd

local

Postado em 17 de abril de 2020 - 8:32h

Homem é assassinado a tiros em Natal

Um homem foi assassinado a tiros no bairro Planalto, Zona Oeste de Natal, na noite de quinta-feira (16). Ele estava na Rua Rainha do Mar, um local escuro e cercado por matagal quando foi abordado por dois atiradores. Segundo a PM, o crime tem características de execução.

“O que a gente colheu foi que os dois meliantes que vieram para matar o rapaz estavam escondidos em cima de um morro, esperando ele passar. De acordo com o que a gente conseguiu pegar de informações aqui com os moradores, ele seria morador da comunidade Novo Horizonte”, detalhou um dos policiais militares que atendeu a ocorrência.

A vítima foi atingida por três disparos de arma de fogo na cabeça. O homem não estava com documento e por isso não foi identificado pelos PMs. A polícia isolou a área até a chegada dos agentes da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa da Polícia Civil, que vão investigar o caso.

G1/RN

Crime foi registrado na Rua Rainha do Mar — Foto: Sérgio Henrique Santos

Postado em 17 de abril de 2020 - 8:30h

Grupo que planejava atacar carros-fortes e bancos no Sertão da Paraíba é preso, diz polícia

Seis suspeitos de planejar atacar carros-forte e bancos foram presos em uma operação realizada nesta quinta-feira (16), em Aparecida, Sertão da Paraíba. De acordo com a Polícia Militar, o grupo foi preso com armas escondidas embaixo da carroceira de um carro.

Segundo a polícia, os seis suspeitos estavam com uma metralhadora, quatro fuzis, uma pistola, explosivos e munições. O grupo estava dividido em dois veículos, com placas de Minas Gerais, e em um deles estava com armas escondidas.

Ainda de acordo com informações da Polícia Militar, a apreensão do grupo foi feita após um trabalho integrado entre a Polícia Militar da Paraíba, Polícia Federal do Rio Grande do Norte, Polícia Federal da Paraíba e Polícia Civil da Paraíba.

Os suspeitos são dos estados do Maranhão, Ceará, Pernambuco e Bahia, e foram levados para a sede da Polícia Federal em Patos. Segundo a polícia, operação irá continuar até chegar em outros integrantes da quadrilha.

G1/PB
Quatro fuzis e uma metralhadora foram apreendidas em operação no Sertão da Paraíba — Foto: PMPB/Divulgação
Polícia apreende metralhadora, fuzis e seis suspeitos em operação na Paraíba — Foto: Beto Silva/TV Paraíba
Postado em 16 de abril de 2020 - 21:23h

Jovem é baleado em tentativa de homicídio no Planalto 13 de Maio em Mossoró no Oeste do RN

Um jovem identificado como Nickson Rafael Rosa de Menezes de 23 anos de idade, foi baleado em uma tentativa de homicídio, ocorrida no final da tarde início da noite desta quinta feira 16 de abril de 2020, na Rua Martins Júnior no Bairro Planalto 13 de Maio em Mossoró RN.

A Polícia Militar foi informada de que estava havendo disparos de arma de fogo naquela localidade e ao chegar no local, não encontrou mais nada, As informações que os policiais receberam foram de que uma pessoa teria sido alvejada e socorrida para a UPA do Alto São Manoel.

Nickson recebeu os primeiros atendimentos na unidade de saúde e depois foi transferido pelo Samu para o Hospital Tarcísio Maia, apresentando um ferimento de bala na coxa, com fratura de fêmur e outro ferimento de raspão na região do tórax.

A Polícia não in formou sobre o que teria ocorrido no local e qual teria sido a motivação do atentado. A Polícia Civil deverá investigar o caso.

FIM DA LINHA

dededed

Postado em 16 de abril de 2020 - 21:22h

Médico de 52 anos morre com coronavírus em Mossoró, RN

O médico cirurgião Élio César Marson foi a sétima pessoa a morrer vítima da Covid-19 em Mossoró, no Oeste potiguar. A morte, 21ª do Rio Grande do Norte pela doença, foi confirmada na tarde desta terça-feira (16). Élio tinha 52 anos, era obeso e tinha diabetes.

A Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró informou que ele fez o exame para saber se estava com o novo coronavírus no dia 29 de março e o resultado saiu no dia 3 de abril. Mas desde o dia 1º deste mês o médico já estava internado em um hospital privado da cidade.

De acordo com o último boletim da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), divulgado nesta terça (16), Mossoró tem 84 casos confirmados de Covid-19, além de 124 suspeitos. O município foi o primeiro a registrar morte pelo vírus no estado potiguar, um professor universitário de 61 anos de idade.

O boletim da Sesap aponta também que o Rio Grande do Norte tem 400 casos confirmados de coronavírus. Os casos suspeitos são 2.232. Além das 21 mortes por Covid-19 já confirmadas, há ainda 12 sob investigação.

G1/RN
Médico cirurgião Élio César Marson morreu vítima de Covid-19 em Mossoró — Foto: Cedida
Postado em 16 de abril de 2020 - 21:21h

Delegacia de Homicídios de Mossoró cumpre mandado de prisão na Cadeia Pública de Caraúbas/RN contra apenado suspeito de matar mulher de 20 anos

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios de Mossoró, especializada coordenada pelos delegados Leonardo Germano e Ana Laura, se deslocaram nesta quarta feira 15 de abril de 2020, até a Cadeia Pública Pública de Caraúbas na região Oeste do RN, com a finalidade de dar cumprimento a uma mandado de prisão, expedido pela justiça em desfavor de Bruno Ferreira de Souza, o “Bruno Parati” 31 anos de idade.

Bruno, que já está custodiado naquela unidade prisional desde outubro de 2019, quando foi preso em uma operação de combate ao tráfico de drogas da Denarc em Mossoró, é acusado de ter matado a tiros,  Ana Mariana Oliveira da Silva, que tinha 20 anos de idade, crime ocorrido no dia 05 de outubro do ano passado no Conjunto Maria Odete Rosado em Mossoró.

A investigação do crime, na época conduzida pelo então delegado da DHM, Rafael Arraes, concluiu que Bruno Ferreira de Souza foi o autor dos disparos que mataram a vítima. Com a conclusão do inquérito, este foi remetido à justiça com pedido de medidas cautelares e nesta terça feira (14) o judiciário expediu o mandado de prisão contra o acusado do crime.

Como o acusado já estava preso, os policiais da DHM foram até a cadeia Pública de Caraúbas, apenas para dar ciência ao interno sobre a decisão da justiça em seu desfavor. O Dr. Leonardo Germano, atual delegado da homicídios de Mossoró, informou que o crime que vitimou fatalmente Ana Mariana, está elucidado.

FIM DA LINHA

dhm

Postado em 16 de abril de 2020 - 18:26h

Bolsonaro demite Mandetta e escolhe Nelson Teich para a Saúde

Após semanas de desavenças, o presidente Jair Bolsonaro demitiu o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, nesta quinta-feira, 16. O oncologista Nelson Teich vai assumir o cargo. Mandetta confirmou a saída pelas redes sociais.

Teich se reuniu com o presidente pela manhã, quando, segundo interlocutores do presidente, causou boa impressão. O médico foi consultor da área de saúde na campanha de Jair Bolsonaro, em 2018, e é fundador do Instituto COI, que realiza pesquisas sobre câncer.

Em seu currículo em redes sociais, o oncologista também registra ter atuado como consultor do secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Denizar Vianna, entre setembro do ano passado e março deste ano. Teich e Vianna foram sócios no Midi Instituto de Educação e Pesquisa, empresa fechada em fevereiro de 2019.

A escolha de Teich foi considerada internamente no governo como uma vitória do secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajgarten, e do empresário bolsonarista Meyer Nigri, dono da Tecnisa. Os dois foram os principais apoiadores de seu nome para o cargo. Veja mais AQUI.

TERRA

Postado em 16 de abril de 2020 - 18:13h

Capitão do Exército é baleado e tem arma roubada durante assalto em Natal

Um capitão do Exército Brasileiro foi baleado durante um assalto, na manhã desta quinta-feira (16), no bairro de Lagoa Seca, Zona Leste de Natal. A vítima foi abordada por criminosos quando estava chegando em casa. Ele havia saído para fazer compras e teve a arma roubada.

O homem foi atingido com um tiro no abdômen e foi socorrido ao Hospital Walfredo Gurgel por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele está internado no pronto-socorro Clóvis Sarinho e seu estado é considerado estável, segundo a PM que atendeu a ocorrência e acompanha o capitão.

A polícia faz buscas na região para tentar localizar e prender os suspeitos. Todas as informações foram confirmadas pela assessoria de imprensa da Polícia Militar.

G1/RN

Postado em 16 de abril de 2020 - 13:05h

Rio Grande do Norte lidera taxa de mortes de policiais no país

Com 1,3 morte a cada mil policiais, o Rio Grande do Norte lidera, junto com Tocantins, a taxa de mortalidade entre policiais militares e civis no país, de acordo com dados de 2019 levantados pelo Monitor da Violência, do G1. Isso ocorreu mesmo com a redução, em mais da metade, dos crimes fatais contra os agentes de segurança do estado em relação ao ano anterior – passando de 25 para 12 – queda de 52%.

Por outro lado, o estado também registrou aumento do número de pessoas mortas em confronto com a polícia, de 134 em 2018 para 165 no ano passado. Um avanço de 23%. Nesse caso, a taxa de letalidade por 100 mil habitantes é de 4,7 – a sexta maior do país – atrás do Amapá (15,1), Rio de Janeiro (10,5), Sergipe (7,2), Pará (7) e Bahia (4,8).

Os dados potiguares refletem parcialmente o que aconteceu em todo o Brasil ao longo do ano passado: diminuição em mais da metade da morte de policiais (-51% no pais) e aumento do número de pessoas mortas pela polícia. A diferença é que o crescimento nacional, nesta última comparação, foi de apenas 1,5%, enquanto o estado passou de 20%.

Em todo o Brasil, 5.804 pessoas foram mortas por policiais no ano passado. No mesmo período, 159 policiais foram assassinados. O levantamento feito pelo G1 tem como base os dados oficiais de 25 estados e do Distrito Federal, através de pedidos para as assessorias das secretarias de segurança pública dos estados e via Lei de Acesso à Informação. Apenas Goiás se recusa a passar os números.

Policiais mortos fora de serviço

Todos os 12 policiais

É o caso do sargento da PM Gilmar Ferreira Barbosa, de 52 anos, cujo assassinato completou um ano no último dia 9 de abril. Ele saia da casa dos pais, idosos, no bairro Bom Pastor, em Natal, quando foi abordado por criminosos e foi morto a tiros dentro do imóvel. Gilmar era lotado no 1º Batalhão da Polícia Militar.

Outro caso é o do sargento Adailton Cristiano Silva, de 43 anos, morto a tiros durante um assalto na região de Vera Cruz, município da Grande Natal. O crime aconteceu em setembro de 2019. De acordo com a PM, ele voltava do dia de trabalho no 11º BPM. O sargento foi executado assim que os criminosos perceberam que ele era policial.

assassinados no Rio Grande do Norte, ao longo do ano passado, estavam fora de serviço – ou seja – de folga, sem farda. No país, cerca de 70% dos agentes de segurança foram mortos também nessas condições.

G1/RN

Número de policiais mortos em caído nos últimos anos no Brasil — Foto: Wagner Magalhães e Guilherme Gomes/G1

Postado em 16 de abril de 2020 - 13:04h

Deputado estadual do RN testa positivo para coronavírus

O deputado estadual Hermano Morais (PSB) confirmou nesta quinta-feira (16), por meio de suas redes sociais, que recebeu confirmação de teste positivo para o novo coronavírus – Covid-19.

De acordo com o parlamentar pelo Rio Grande do Norte, ele tinha recebido inicialmente um diagnóstico de dengue, mas que depois foi descartado.

Ainda segundo Hermano, os sintomas são leves. “Estou em casa, não precisei ser hospitalizado, sigo as recomendações médicas, em repouso”, afirmou.

No vídeo, usando máscara, o deputado ainda recomendou “cuidado” para evitar os efeitos da pandemia.

Até esta quinta-feira (16), o Rio Grande do Norte tem 400 pacientes confirmados e 20 óbitos, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde.

G1/RN
Deputado Hermano Morais (PSB) afirma que foi diagnosticado com Covid-19 — Foto: Reprodução/redes sociais
Postado em 16 de abril de 2020 - 13:01h

PF prende suspeitos de arrombamentos de Correios e comércios no RN, Alagoas, Paraíba e Pernambuco

A Operação Tricerátops da Polícia Federal cumpriu cinco mandados de prisão preventiva no Rio Grande do Norte, Alagoas, Pernambuco e Paraíba em uma ação de combate às facções criminosas, na manhã desta quinta-feira (16).

Os mandados foram expedidos pela 11ª Vara Federal de Assu, no Oeste do RN, contra pessoas responsáveis pela prática de arrombamentos e furtos em mais de 40 estabelecimentos comerciais em quatro estados do Nordeste.

Dentre os estabelecimentos arrombados e furtados estão agências dos Correios das cidades potiguares de Paraú em 27 de fevereiro de 2018 e Triunfo Potiguar no dia 7 de março do ano passado. Segundo a PF, todos os indivíduos presos têm um extenso histórico criminal ligado à prática de crimes contra o patrimônio, especialmente em pequenos municípios do interior dos estados.

A Força-Tarefa de Combate às Facções Criminosas no Rio Grande do Norte da PF contou com apoio das polícias Civil e Militar do RN e agentes penitenciários federais.

G1/RN

Operação atuou em quatro estados do Nordeste — Foto: PF/Divulgação

Postado em 16 de abril de 2020 - 12:59h

‘Não acreditavam que eu voltasse’, diz homem que teve 5 paradas cardíacas durante internação por coronavírus no RN

Joelson Bezerra, de 47 anos, recebeu alta e deixou na última segunda-feira (13) um hospital particular da Zona Leste de Natal emocionado e sob aplausos dos funcionários e da equipe médica. Ele, que é hipertenso e diabético, passou 18 dias internados – 12 deles em coma na UTI – por conta do novo coronavírus. (Vídeo acima mostra a saída dele do hospital).

Pertencente a dois grupos de risco, que agravaram o quadro clínico, ele contou que quando despertou do coma após o tratamento recebeu visita de todos os médicos do hospital. “Todos os médicos foram me visitar porque não acreditavam que eu voltasse, porque o quadro não evoluía. No 12º dia eu evoluí e acordei”, contou.

Joelson é funcionário da Câmara Municipal de Natal e sentiu os primeiros sintomas da doença no mês de março. No dia 27, ele deu entrada no hospital com dores muito fortes no peito e um cansaço.

“Eu comecei a sentir um cansaço como se tivesse corrido uma maratona. Imagine se afogar no seco. Eu tentava respirar e não conseguia. E aí eu senti uma dor muito forte no peito. Minha esposa escutou o meu gemido e decidimos ir para o hospital”, contou Joelson, que foi entubado já naquele dia.

“Ele não tinha boas expectativas. O quadro dele inspirava risco mesmo. Ele chegou ao hospital quase sem respirar naquele momento”, contou a mulher dele, Auxiliadora Barroso.

“Foi um momento muito complicado. Pelo quadro, eu achei que ele não viveria. Vou te dizer que eu cheguei em casa no dia 27 só esperando o telefone tocar. O que aconteceu foi um milagre. E eu preciso agradecer a todo o trabalho do hospital e da equipe de saúde nesse período”.

Segundo os médicos relataram a Joelson, a hipertensão e a diabetes tipo 1 fizeram o quadro clínico dele se agravar. “Quando eu acordei, que eu tomei a consciência, eu tive uma sensação bem estar. Porque eu estava vivo. Chorei muito, mesmo sem saber o que eu tinha”, contou. Ele foi comunicado de que teve o coronavírus quando deixou a UTI e foi encaminhado para o apartamento.

Joelson, que ainda teve uma tuberculose em decorrência da Covid-19, relatou que teve dificuldades de andar e até de falar. “Eu não tinha coordenação motora. Percebia que meu cérebro mandava a mensagem, mas eu não conseguia reagir”.

No momento em que recebeu alta e estava deixando um hospital, ele recebeu uma surpresa da equipe médica e de funcionários do hospital. Eles se reuniram em um corredor para cantar uma música em mensagem de apoio a Joelson e o aplaudiram.

“Eu não sou um cara emotivo, de verdade. Mas me emocionei com o calor das pessoas, com o carinho. Eu só conhecia os enfermeiros, os médicos e o fisioterapeuta. Mas ali estavam vários funcionários, gente da área administrativa, que eu nunca vi. E eu percebi que todos estavam torcendo por mim, que eles se perguntavam diariamente de como estava minha situação”.

A mulher dele chegou a apresentar sintomas semelhantes da doença, como ter dificuldades na respiração e até perder o olfato. Ela procurou um médico, foi medicada e se recuperou. O teste para Covid-19 dela deu negativo.

“Tive também momentos de muita dificuldades. Já não podia o visitar pelas restrições e só recebia atualizações pelo celular. R ainda sentia alguns sintomas como alguns apertos no peito que pareciam que ia faltar ar. Me segurei com videochamadas e orações de amigos e parentes”, falou Auxiliadora.

Recuperado da Covid-19, Joelson vai seguir isolado em casa por mais dois meses. “Eu não estou contaminando ninguém, mas minha imunidade está muito baixa. Então uma simples doença pode se agravar em mim”, falou.

Neste momento, no entanto, ele quer aproveitar mais a sensação de bem estar. “Poder olhar pela janela me mostra que estou bem, estou vivo”.

G1/RN

Joelson Bezerra ficou 12 dias em coma na UTI em hospital de Natal — Foto: Reprodução

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:56h

Mais de 100 pacientes de coronavírus já foram liberados de isolamento em Natal e Parnamirim

Pelo menos 113 pacientes confirmados para o novo coronavírus já tiveram alta ou foram liberados do período do isolamento de 14 dias preconizados pelas autoridades de saúde em Natal e Parnamirim, segundo informaram as secretarias municipais de Saúde. Eles representam mais da metade dos casos confirmados nos dois municípios, até agora.

Segunda maior cidade do estado e com o segundo maior número de casos confirmados, Mossoró não divulgou dados sobre pessoas que tiveram a doença e não apresentam mais sintomas. Até esta quarta-feira (15), a Secretaria Estadual de Saúde também não divulgou dados a nível estadual sobre o assunto.

Os dados de Natal são da segunda-feira (13), com 99 pacientes. Nesta terça (14), o município tinha 159 casos notificados pela Sesap. Já Parnamirim divulgou nesta terça-feira (14) que tem 14 pacientes liberados, do total de 43 confirmados.

Mesmo considerando que os dados não têm a mesma data, é possível afirmar que mais de 50% desses pacientes já tiveram alta. No caso de Natal, especificamente, são mais de 62%. Em Parnamirim, menos: 32%.

São histórias como a do aposentado Iremar Leite Pereira de 72 anos, que passou 14 dias internado, mas conseguiu vencer a doença.

Somente esses pacientes dos dois municípios, que estão liberados, representam 30% do total de 367 confirmados em todo o Rio Grande do Norte até esta terça-feira (14), conforme o boletim da Sesap. Um terço dos diagnosticados no estado são profissionais da área de Saúde.

G1

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:55h

Brasil descobre remédio com 94% de eficácia no combate à Covid-19

Cientistas brasileiros vão testar, em 500 pacientes, um medicamento, quase sem efeitos colaterais, com eficácia de 94% em células infectadas pelo novo coronavírus, com resultado, no máximo, em um mês. A informação foi divulgada, nesta quarta-feira (15/4), pelo ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes.

Segundo ele, país também desenvolve equipamento de inteligência artificial para testar pessoas com suspeita de Covid-19. A resposta é em um minuto e o teste utiliza reagentes nacionais. “Vacinas demoram mais do que o reposicionamento de drogas, mas estamos trabalhando com vacina dupla, tanto para Influenza quanto para a Covid”, disse. “Só a ciência pode combater o vírus”, ressaltou Pontes.

O ministro não divulgou o nome do remédio para “não haver corrida” às compras. Isso porque é um fármaco conhecido, amplamente disponível no mercado, de acordo Marcelo Morales, secretário de Políticas para Formação e Ações Estratégicas do Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). “Teremos nas nossas mãos, desenvolvido no Brasil, no máximo, na metade de maio, a solução de um tratamento, com remédio disponível inclusive em formulação pediátrica”, afirmou Pontes.

O remédio será testado em 500 pacientes em sete hospitais, cinco no Rio de Janeiro, um em São Paulo e outro em Brasília. A administração do medicamento será diária, durante cinco dias, com mais nove dias de observação. “Em 14 dias, poderemos ver se os efeitos em pacientes serão os mesmos já comprovados em células infectadas”, destacou o ministro. O ensaio clínico será feito com pacientes que estão internados para o acompanhamento dos sintomas e da carga viral.

Segundo o MCTIC, o protocolo será uma administração randomizada, ou seja, nem médicos nem pacientes saberão quem está tomando a medicação e quem está recebendo placebos. “Quero agradecer a comissão de ética do Ministério da Saúde, que fez a aprovação do protocolo dos testes clínicos. Nas próximas semanas, teremos os resultados”, disse Pontes.

Detalhes

Segundo o MCTIC, foram realizados testes utilizando medicamentos que já são comercializados em farmácias para verificar se existe algum capaz de combater a doença. A estratégia chamada de reposicionamento de fármacos é adotada por uma força tarefa formada por 40 cientistas do Laboratório Nacional de Biociências (LNBio), que integra o Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), organização social do ministério.

Foram testados dois mil medicamentos com o objetivo de identificar fármacos compostos por moléculas capazes de inibir proteínas fundamentais para a replicação viral. Com uso de alta tecnologia como biologia molecular e estrutural, computação científica, quimioinformática e inteligência artificial, os pesquisadores identificaram seis moléculas promissoras que seguiram para teste in vitro com células infectadas com o SARS-CoV-2.

Desses seis remédios pesquisados, os cientistas do CNPEM/MCTIC descobriram que dois reduziram significativamente a replicação viral em células. O remédio mais promissor apresentou 94% de eficácia em ensaios com as células infectadas.

Na terça-feira (14/4), o ensaio clínico financiado pelo MCTIC obteve a autorização da Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep) para realizar a última etapa dos testes: os ensaios clínicos em pacientes infectados com o novo coronavírus (SARS-CoV-2), que devem começar já nas próximas semanas.

Por Correio Brasiliense

ministro.jpg

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:52h

‘Me senti abraçada’, diz enfermeira recuperada do coronavírus que deixou UTI sob aplausos após 15 dias internada

Após 15 dias internada em um leito de UTI se recuperando da Covid-19, na cidade de Mossoró, segunda maior do Rio Grande do Norte, a enfermeira Dilnice Fernandes deixou a unidade hospitalar curada e voltou para casa, na terça-feira (14).

Na saída, foi homenageada por amigos e colegas de profissão que formaram um corredor com aplausos e orações. “Fui surpreendida e fiquei muito feliz. Me senti renovada, foi um abraço não dado fisicamente e um presente de Deus. Estou muito melhor depois dessa homenagem”, lembra Dilnice Fernandes.

Acostumada a cuidar de pacientes, a profissional da saúde, de 56 anos, precisou inverter os papéis para tratar da contaminação por coronavírus durante duas semanas em um hospital privado de Mossoró. Dilnice estava entubada até o domingo (12). Depois, ela ainda permaneceu por mais dois dias na unidade quando finalmente recebeu alta hospitalar.

Enfermeira há 35 anos, Dilnice trabalhava diretamente no combate ao novo coronavírus no Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró, onde atua desde 2010. Ela começou a apresentar os sintomas da Covid-19 na segunda quinzena de março. A mulher foi encaminhada ao hospital com febre, falta de ar, tosse e dor no corpo.

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:50h

Polícia Civil prende cinco pessoas por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo em Areia Branca

Policiais Civis da Delegacia de Areia Branca, sob o comando do delegado Renato Oliveira, prenderam no final da tarde desta quarta feira 15 de Abril de 2020, cinco pessoas, sendo quatro homens e uma mulher, suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas e porte ilegal de arma e fogo, naquela cidade.

De acordo com o delegado, seus policiais resolveram abordar um veículo que estava em atitude suspeita, na entrada cidade. durante uma minuciosa averiguação no interior do carro, os policiais encontraram uma certa quantidade de maconha e uma arma de fogo. A equipe acompanhou os suspeitos até uma residência a qual os suspeitos disseram que estavam nesse imóvel.

Na casa foi encontrada mais uma arma de fogo e mais droga droga. Diante da situação, os suspeitos receberam voz de prisão, sendo eles encaminhados a presença do Dr. Renato Oliveira para os procedimentos cabíveis. Foram presos Lucas Mateus da SilvaJeferson Bruno Marques dos SantosJosé Leonardo de Lima JuniorJackson Batista Silva de Souza e Raires Maria pinheiro leite.

Os cinco foram autuados em flagrante por crimes de  tráfico de tráfico de drogas, associação para o tráfico, associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo. Após os procedimentos, os flagranteados foram encaminhados ao sistema prisional, onde ficarão a disposição da justiça. Ainda de acordo com a autoridade policial, outros suspeitos conseguiram fugir da ação policial

FIM DA LINHA

ab

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:48h

51º Homicídio em Mossoró 2020: Homem de 34 anos é assassinado a tiros dentro de lanchonete na Comunidade da Maísa

A Comunidade da Maísa, na zona rural de Mossoró, na região Oeste Potiguar, registrou na noite desta quarta feira 15 de abril de 2020, o quarto homicídio no ano. Um homem identificado como, Wandenilson Ferreira de 34 anos, natural de Mossoró, foi morto com cerca de cinco tiros, dentro de uma lanchonete localizada ao lado da Escola Estadual daquela comunidade.

A Polícia Militar, foi acionada para o local e recebeu informações de testemunhas, que a vítima estava sentada na calçada da lanchonete conversando com uma pessoa, quando dois homens, vestindo jaquetas pretas e usando capacetes preto, chegaram de moto, o garupa desceu e começou a atirar em sua direção.

Wandenilson tentou escapar da morte, correu para dentro da lanchonete, mas sem êxito. O mesmo foi perseguido e executado no interior do estabelecimento comercial. A Polícia ainda não sabe qual teria sido a motivação  e quem seriam os autores do crime. O delegado de plantão da Polícia Civil, Dr. Alex Wagner, esteve no local, acompanhando o trabalho da equipe do Itep e dando início as investigações.

O delegado falou com a reportagem do Blog Fim da Linha e disse que a Polícia Civil já tem algumas informações que poderão ajudar a elucidar o crime, mas por enquanto preferiu não adiantar nada para não atrapalhar as investigações. A vítima não tinha passagem pela polícia.

FIM DA LINHA

capa

Postado em 16 de abril de 2020 - 7:47h

Polícia Civil prende foragido da Justiça de Roraima atuante no tráfico de drogas interestadual

Policiais civis da Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) prenderam, nesta quarta-feira 15 de abril, o foragido da Justiça de Justiça de Roraima e investigado pela Polícia Civil do RN por tráfico de drogas e associação ao tráfico, Erick Nunes Delgado, conhecido como Nandinho RN, 23 anos. Ele foi detido no bairro do Alecrim, em Natal, mediante o cumprimento de três mandados de prisão, sendo dois expedidos pela Justiça de Roraima e um mandado de prisão expedido pela Justiça do Rio Grande do Norte.

No momento do cumprimento dos mandados de prisão, Erick Nunes apresentou uma CNH falsa com o nome de Luiz Victor da Silva Costa. Diante desse fato, também foi preso em flagrante delito pelo crime de uso de documento falso.

Entre os mandados de prisão de prisão de Roraima, um deles é referente a uma condenação a uma pena de 18 anos pelo cometimento dos crimes de tráfico de drogas, organização criminosa, porte ilegal de arma de fogo e corrupção de menor. Outro mandado de prisão é uma preventiva, por ele ser investigado pela prática dos crimes de furto, tentativa de homicídio, sequestro e cárcere privado.

O mandado de prisão da Justiça do RN foi expedido pela comarca de Parnamirim, pelo fato de Erick Nunes ser investigado pela Delegacia Especializada de Narcóticos (DENARC) pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Em setembro de 2019, a esposa dele e seu cunhado foram presos em flagrante com dois quilos de cocaína e armas de fogo.

Segundo as investigações da DENARC, Erick Nunes fugiu Presídio de Roraima em 2018 e continuava mantendo ligação com organizações criminosas daquele Estado. Após a sua fuga, veio para o Rio Grande do Norte e estava sendo investigado pela Polícia Civil por ser uma das lideranças de uma facção criminosa no Estado, realizando uma conexão com o tráfico de drogas na região Norte do país.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima através do Disque Denúncia 181.

Assessoria PC/RN

Postado em 15 de abril de 2020 - 14:11h

PM prende suspeito com arma de fogo ao atender ocorrência de tiroteio no Bairro Barrocas em Mossoró

A Polícia Militar prendeu nesta manhã de quarta feira 15 de abril de 2020, Maxuel Vieira da Silva, pela prática de porte ilegal de arma de fogo, durante atendimento a uma ocorrência de troca de tiros na Rua Maria Luzanira da Conceição no Bairro Barrocas em Mossoró, região oeste Potiguar.

Maxuel, que já responde na justiça processos, por receptação e roubo majorado, estava portando uma Garruncha de dois canos, com capacidade para duas munições calibres 38, no momento da abordagem policial.

Ele relatou para os policiais, que estava em casa, quando homens passaram de moto atirando em sua direção. O mesmo correu para não ser morto e durante a fuga foi abordado pela Polícia Militar, que chegava no local para averiguar a denuncia chegada ao CIOSP sobre um tiroteio naquela região.

Maxuel foi conduzido à Segunda Delegacia Distrital, no Bairro Nova Betânia e apresentado ao delegado José Vieira de Castro, que vai adotar as medidas cabíveis. O crime de posse de arma de fogo é afiançável, desde que a arma não tenha nenhuma restrição. Como o flagranteado já tem processos na justiça pode ocorrer que o delegado não arbitre a fiança. Nesse caso ele deverá ser encaminhado ao sistema prisional.

FIM DA LINHA

mac

Postado em 15 de abril de 2020 - 14:10h

PRF prende assaltante em Campo Redondo e recupera moto roubada

O suspeito portava um revólver e confessou ter roubado o veículo nas proximidades da cidade de Senador Elói de Souza/RN.

Por volta das 22 h desta terça-feira (14) policiais rodoviários federais prenderam, na unidade operacional da BR 226, em Campo Redondo/RN, um homem, recuperaram uma motocicleta roubada e apreenderam uma arma de fogo.

Uma equipe realizava fiscalização de rotina, quando visualizaram o veículo se aproximando do posto. Ao consultarem a placa nos sistemas, verificaram que existia registro de roubo/furto para aquela placa. Diante dos fatos, foi realizada a abordagem.

Postado em 15 de abril de 2020 - 14:02h