Preso provisório custodiado na Cadeia Pública de Mossoró é levado as pressas para o Hospital Tarcísio Maia e morre na unidade hospitalar

O preso custodiado na Cadeia Pública de Mossoró, Rosemilson Felipe Santiago, conhecido como “Ró” 23 anos, natural de Assu/RN, foi socorrido por uma viatura do sistema penitenciário estadual, na madruga deste domingo 23 de novembro de 2019, para o Hospital Regional Tarcísio Maia e morreu ao dar entrada naquela unidade hospitalar.

Até o momento não há informações sobre as circunstâncias em que o detento morreu. Só o que se sabe até agora, é que o preso chegou no hospital por volta da 00h30min e ao ser retirado da viatura, foi colocado em maca e encaminhado para o setor de emergência daquela unidade.

Rosemilson Felipe, tinha uma condenação por tráfico de drogas (art. 33) no ano de 2018 na comarca de Assu e estava preso na Cadeia Pública de Mossoró aguardando julgamento pelo Juri Popular por um crime de homicídio qualificado, praticado também na cidade de Assu/RN, no dia 16 de junho de 2018.

A vítima, José Iltembergue de Mendonça, de 33 anos de idade foi morto na Rua Gregório Soares de Macedo, no bairro Bela Vista em Assú. Segundo a polícia Civil, Além de Rosemilson Felipe, o Ró, outro pistoleiro identificado como  Aldemberg Gleyson Tomaz Lopes, “Berguinho” de 21 anos participou da morte da vítima.

Os dois foram presos em flagrante, pela Polícia Civil de Assu, no mesmo dia do crime e confessaram ter sido contratados para matar José Iltemberg. De acordo com a Polícia, os dois pistoleiros são membros da facção criminosa PCC.

FIM DA LINHA

cpm

Postado em 24 de novembro de 2019 - 9:06h