Adolescentes são apreendidos pela PM após sequestro relâmpago de motorista de aplicativo em Natal

Um motorista de aplicativo foi feito refém por um trio de adolescentes durante cerca de três horas, na noite de quinta-feira (7) em Natal. O profissional aceitou uma corrida e ao chegar no local, um dos suspeitos entrou no carro e anunciou um assalto. Em seguida outros dois entraram no veículo.

A ideia dos menores era usar o carro do motorista de aplicativo para praticar assaltos pela cidade. O sequestro relâmpago terminou após colisão do carro em um semáforo no cruzamento entre as avenidas Capitão Mor-Gouveia e Jaguarari, na zona leste da capital.

“Um deles entrou atrás e botou a arma na minha cabeça, eu pensei que era até brincadeira. Aí entrou mais dois e me colocaram no banco de trás. Quando eu fui para trás, eles me mandaram não olhar para a cara deles e começaram a bater na minha cabeça com a arma”, relatou a vítima.

No período em que o motorista foi feito refém, os adolescentes assaltaram um motoentregador. Em seguida, eles perderam o controle do carro e bateram violentamente em um semáforo. O veículo chegou a pegar fogo, mas as chamas foram inicialmente controladas por moradores da região. O Corpo de Bombeiros esteve no local para evitar que o fogo se propagasse.

Após a batida, os menores fugiram e tentaram se esconder em um terreno abandonado na área, mas foram encontrados e conduzidos à delegacia pela Polícia Militar. A PM apreendeu celulares e um simulacro de arma de fogo.

JAIR SAMPAIO

Postado em 8 de maio de 2020 - 12:07h