Polícia Civil prende investigado por integrar grupo de extermínio; homem foi preso em hotel de Natal

Policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP/Natal) deram cumprimento, neste domingo (31), a um mandado de prisão em desfavor de um homem, de 23 anos, apontado como um dos autores do homicídio de Arthur Gabriel Rodrigues de Carvalho, de 21 anos, ocorrido no dia 19 de novembro de 2022, na avenida Itapetinga, no bairro Potengi, Zona Norte de Natal. A prisão, que faz parte da “Operação Judas”, aconteceu em um hotel, no bairro Lagoa Nova, Zona Sul de Natal.

Segundo investigações realizadas pelas delegacias da DHPP, o homem, considerado de alta periculosidade, é investigado por integrar um grupo de extermínio e também é suspeito de cometer outros crimes no RN. Durante o homicídio contra Arthur Gabriel, ele agiu com mais dois homens, que teriam chegado em uma caminhonete. Após vários disparos de arma de fogo, a vítima tentou correr, mas acabou sendo alcançada e morta.

Ainda de acordo com as investigações, a morte de Arthur Gabriel teria sido motivada por uma desavença entre os dois, que aplicavam também golpes a partir de clonagens de cartões. As investigações continuam e o homem preso foi encaminhado ao Sistema Prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.

FOCOELHO

Postado em 1 de abril de 2024 - 15:24h